19 outubro 2021 \ Caldas das Taipas
tempo
18 ºC
pesquisa

Presidente da República decreta o fim do estado de emergência

Redação
Sociedade \ terça-feira, abril 27, 2021
© Direitos reservados
Dados positivos referentes à pandemia levaram Marcelo Rebelo de Sousa a tomar a decisão. Ao todo foram quinze os estados de emergência consecutivos.

Marcelo Rebelo de Sousa anunciou esta terça-feira ao país o fim do estado de emergência, a partir da meia-noite da próxima sexta-feia.

Para esta decisão foi preponderante a “descida do número médio de mortos, de internados em enfermaria e cuidados intensivos, assim como a estabilização do número de infetados, ou seja, a incidência da pandemia”, sublinhou Marcelo Rebelo de Sousa.

O país bateu-se com quinze estados de emergência renovados sucessivamente, sendo que com os sinais de melhoria referidos, após ouvir especialistas, partidos com assento na assembleia da República e o governo, o presidente da república decidiu não renovar o estado de emergência.

Apesar da boa-nova e do agradecimento aos portugueses pela postura adotada, Marcelo Rebelo de Sousa não deixou de frisar a necessidade de manter a guarda, dizendo que este “passo baseado na confiança coletiva” pode ter retrocesso.

“Se necessário for não hesitarei em avançar com novo estado de emergência”, atirou, recordando que estamos perante “uma luta de todos”.