07 dezembro 2022 \ Caldas das Taipas
tempo
18 ºC
pesquisa

Trabalho de quatro alunas da ESCT sobre pobreza vale viagem ao Brasil

Redação
Educacao \ sexta-feira, novembro 18, 2022
© Direitos reservados
Projeto sobre pessoas em situação de sem abrigo ao abrigo do programa NEPSO valeu distinção a Ana Filipa Oliveira, Ana Beatriz Bravo, Carolina Dias e Leonor Rodrigues.

O projeto "Teto Azul – A Resistência de Quem Pede e a Empatia de Quem Ajuda", de Ana Filipa Oliveira, Ana Beatriz Bravo, Carolina Dias e Leonor Rodrigues venceu o prémio de 1º Lugar na categoria do 2º Ciclo ao Ensino Secundário do programa NEPSO. Agora, ao abrigo da mesma iniciativa vão poder apresentar a sua pesquisa na Universidade Federal Agreste de Pernambuco, Garanhuns, Estado de Pernambuco, Brasil, na semana de 21 a 25 de novembro de 2022.

Orientado pela professora Lídia Santos, o projeto levou as alunas do 12.º ano do curso de Ciências Socioeconómicas a "saber mais sobre como vive a população em situação de sem-abrigo na cidade do Porto e o que pensa a população local sobre este fenómeno".

"Na sua pesquisa, confirmaram que ainda existe a ideia de que estas pessoas vão usar o dinheiro que lhes dão para, não só satisfazer necessidades, como também alimentar vícios. De facto, pessoas nesta situação que foram entrevistadas admitiram que toxicodependência e perda de emprego, na maioria dos casos, foi o que as colocou neste caminho, no entanto descrevem uma vida anterior tão normal quanto tantas outras", lê-se no resumo do trabalho.