29 novembro 2021 \ Caldas das Taipas
tempo
18 ºC
pesquisa

Projeto da Casa Mortuária na Capela S. Tomé pronto para avançar

Bruno José Ferreira
Política \ quinta-feira, julho 01, 2021
© Direitos reservados
Parceria entre o município, a junta de freguesia e a paróquia permite avançar com uma valência há muito necessária na vila.

O projeto da criação de uma Casa Mortuária nas Taipas avançará para o terreno em breve. Na assembleia de freguesia da última segunda-feira foi autorizada a celebração de um protocolo com a Fábrica da Igreja que permite precisamente evoluir com este processo.

A Casa Mortuária terá lugar na Igreja Velha, a Capela de São Tomé, e nascerá fruto de uma parceria entre a Paróquia de Caldelas, a Junta de Freguesia de Caldelas e a Câmara Municipal de Caldelas, esta última que atribuirá um subsídio para a intervenção necessária.

“Estamos em condições de avançar para a fase seguinte”, referiu o presidente da Junta de Freguesia de Caldelas, Luís Soares, dando conta que, apesar de este protocolo estar a ser celebrado com a Paróquia, o “equipamento será para uso de todos os cidadãos independentemente do seu credo religioso”.

Através deste protocolo será possível requalificar, adaptar e ampliar um edifício histórico, de forma que seja possível dotar o espaço de melhores condições para as exigências atuais, passando a ter dois espaços para a realização e velórios, zona de estar, descanso e copa para as famílias.

Esta proposta foi aprovada por maioria com oito votos favoráveis, tendo ainda três votos contra e duas abstenções.

A questão da Casa Mortuária há muito que é reconhecida como um problema da Vila de Caldas das Taipas, sendo que em fevereiro de 2020 o Reflexo realizou uma reportagem na qual anunciou esta intervenção.