25 janeiro 2022 \ Caldas das Taipas
tempo
18 ºC
pesquisa

Hospital de Guimarães abre portas a 85 médicos internos

Redação
Ciência & Tecnologia \ terça-feira, janeiro 04, 2022
© Direitos reservados
A sessão de acolhimento de 85 médicos que iniciaram o internato decorreu esta terça-feira no Auditório do Hospital

O Hospital da Senhora da Oliveira Guimarães recebeu 58 médicos que vão frequentar o Internato de Formação Geral durante o ano de 2022 e 27 médicos que vão realizar o Internato de Formação Específica que nos próximos anos vão realizar a sua especialidade, num total de 85 profissionais médicos.

A sessão de acolhimento decorreu esta terça-feira no Auditório do Hospital, contando com a presença de Henrique Capelas, Presidente do Conselho de Administração. O Internato Médico é composto pela Formação Geral (primeiro ano do Internato caracterizado por um período de formação geral onde o médico tem oportunidade de contactar com vários serviços) e consecutivamente pela Formação Específica (um período de especialização que poderá durar entre quatro e seis anos). No Hospital de Guimarães os Internos de Formação Geral irão desenvolver, ao longo de 2022, a sua formação através de uma medicina tutelada, nas seguintes especialidades: Medicina Interna, Cirurgia, Pediatria e Medicina Geral e Familiar.

Os Internos de Formação Específica dedicarão, a sua experiência profissional, às especialidades de Anestesiologia (2), Cardiologia (1), Cirurgia Geral (2), Gastrenterologia (1), Ginecologia/Obstetrícia (2), Imunohemoterapia (1), Medicina Física e Reabilitação (2), Medicina Interna (6), Medicina do Trabalho (1), Oncologia Médica (1), Ortopedia (2), Otorrinolaringologia (1), Patologia Clínica (2), Pediatria (2) e Psiquiatria (1).

"A escolha destes jovens médicos para realizarem o seu processo formativo no Hospital de Guimarães é, mais uma vez, o reconhecimento da qualidade pedagógica e capacidade formativa desta Instituição de Saúde, dando a oportunidade a estes médicos de aprofundarem os seus conhecimentos e valorizarem as suas competências profissionais", explica a unidade hospitalar em comunicado.