28 novembro 2022 \ Caldas das Taipas
tempo
18 ºC
pesquisa

Guimarães Cidade Natal: iluminações ligam-se no dia 1 de dezembro

Bruno José Ferreira
Sociedade \ segunda-feira, novembro 21, 2022
© Direitos reservados
Vários atrativos programados para o centro da cidade na quadra natalícia. Festa de passagem de ano organizada no Largo do Toural com a expetativa de juntar 30 mil pessoas.

A Câmara Municipal de Guimarães apresentou esta segunda-feira a programação natalícia deste ano, sendo prometida “magia no espaço central da cidade”. Uma vez mais com a parceria da Associação Sol no Miral, que engloba o Teatro Coelima, Paulo Lopes Silva acredita que será possível transformar Guimarães numa “verdadeira cidade Natal”.

Com epicentro no Toural e na Alameda de São Dâmaso, prolongando-se nas ruas adjacentes, as iluminações de Natal – que já estão a ser instaladas – brilharão pela primeira vez às 17 horas do dia 1 de dezembro, estando para esse dia agendada uma parada de Natal que inclui a chegada do Pai Natal, entre outros atrativos.

“Dinamizar o centro da cidade” com “animação permanente” é o objetivo, sustenta o vereador com o pelouro da cultura. “O Toural terá outro conjunto de elementos que trará mais atratividade, como carrossel e diversões”, aponta. O Mercado de Natal estará instalado no Largo Condessa do Juncal, com cobertura e um palco, de forma a evitar que vários números sejam adiados, a exemplo do que aconteceu nos anos anteriores, em virtude das condições climatéricas.

A Guimarães Cidade Natal significa um investimento na ordem dos 300 mil euros por parte do município, sendo que haverá condicionamento do trânsito nas principais ruas da cidade neste que é o “ano com maior abrangência de ruas iluminadas”.

Mais de cinco dezenas de atores envolvidos: passagem de ano no Toural

Rui Fernandes, líder do Teatro Coelima, sustentou que é uma honra e um privilégio “assumir esta parceria pelo segundo ano consecutivo”, prometendo “animação permanente” com “uma grande equipa envolvida, contabilizando atores, músicos e figurantes”. “Mais de 50 atores vão estar connosco durante este período”, atestou.

Uma das novidades apresentadas foi o facto de a passagem de ano deslocalizar-se do Largo da Oliveira para o Largo do Toural. “Já vínhamos a falar disso nos últimos anos”, admite Paulo Lopes Silva, que justifica esta aposta também com os constrangimentos que se têm vindo a sentir nos últimos anos relativamente à capacidade do Largo da Oliveira.

Apenas seis mil pessoas tinham acesso, por questões de segurança. motivo pelo qual este ano será na “sala de visitas da cidade o ponto de encontro para dar as boas-vindas ao novo ano”. A expetativa do vereador é “juntar mais de 30 mil pessoas no Toural”.

A passagem de ano será organizada em parceria com a Associação Vimaranense de Hotelaria, que após a experiência da realização do sunset – que encheu a praça – viu potencialidades para que a passagem de ano se possa realizar na principal praça da cidade. “Trazer a passagem de ano para o Toural foi um risco medido. É o primeiro ano, queremos que tudo corra na perfeição”, atirou José Diogo Silva, presidente da AVH.

21 anos de Património Mundial com iluminação do Centro Histórico

Para além da programação natalícia, neste período assinala-se o 21.º aniversário da elevação do Centro Histórico de Guimarães a Património Mundial da UNESCO, a 13 de dezembro. Neste dia terá lugar a iniciativa “Património Iluminado”, a partir das 18 horas no Largo da Oliveira.

A partir das 19 horas tem lugar o concerto Folefest, na Sala Duquesa sendo que o programa é complementado com ações paralelas, como os Concertos de Natal, as Jornadas do Grande Órgão Histórico da Colegiada da Nossa Senhora da Oliveira, a Festa Intergeracional no Multiusos de Guimarães e o espetáculo musical “Uma Espécie de Coisa”, agendado para o dia 21 de dezembro, no Centro Cultural Vila Flor, para assinalar o encerramento dos 10 anos da Capital Europeia da Cultura. No dia 1 de janeiro, pelas 17 horas decorre o habitual Concerto de Ano Novo com a Orquestra de Guimarães e participação da Academia de Bailado de Guimarães.

Em traços gerais, o vereador Paulo Lopes Silva acredita que têm vindo a ser dados "passos sólidos e sustentáveis para que Guimarães tenha magia neste espaço central da cidade".

PROGRAMAÇÃO GUIMARÃES CIDADE NATAL 2022