21 fevereiro 2024 \ Caldas das Taipas
tempo
18 ºC
pesquisa

Citânia Viva recorda os últimos dias de Francisco Martins Sarmento

Redação
Cultura \ terça-feira, outubro 03, 2023
© Direitos reservados
Espetáculo que recua a agosto de 1899 está marcado para as 21h00 de sexta-feira, com a participação do grupo de teatro Citânia e um coro trabalhado numa residência artística.

A Citânia de Briteiros recebe, na sexta-feira, “A Partida”, mais uma encenação em torno da sua história com chancela da Citânia Viva, iniciativa lançada em 2005 pela Casa do Povo de Briteiros. Encenado por Bruno Laborinho, o espetáculo agendado para as 21h00 de sexta-feira recua até agosto de 1899, aos últimos dias da vida de Francisco Martins Sarmento.

Os intérpretes vão recriar as gentes de Briteiros num tempo em que o influente arqueólogo deixou aquela povoação para não mais lá voltar; a performance abarca as pessoas que viviam e trabalhavam na Quinta da Ponte, convivendo diariamente com Sarmento, e também os velhos habitantes da Citânia que descem ao vale para acompanhar os últimos pensamentos do sábio.

Realizado no âmbito do ExcentriCidade, programa de descentralização cultural da Câmara Municipal de Guimarães, o evento reúne os atores Beatriz Lobo, Filipa Silva, Gonçalo Ferreira e Sérgio Araújo, bem como o elenco que compõe o Grupo de Teatro Citânia, presença habitual na encenação – são elas Andreia Dias, Emília Marques, Estela Macedo, Fabiana Vieira e Luísa Ribeiro. O coro de utentes da Castreja, fruto da residência artística coordenada por Alexandre Gonçalves e Marisa Oliveira, é novidade.