29 novembro 2021 \ Caldas das Taipas
tempo
18 ºC
pesquisa

Câmara esclarece que o projeto de requalificação do centro prevê triplicar o número de árvores

Redação
Sociedade \ quinta-feira, março 25, 2021
© Direitos reservados
Ribeira da Canhota, que atualmente está canalizada, será colocada a céu aberto e serão plantadas novas árvores

A Câmara Municipal de Guimarães emitiu uma nota de esclarecimento sobre o derrube de árvores no centro das Taipas, que está a acontecer em virtude das obras de requalificação do centro cívico da vila.

O município dá conta que serão plantadas novas árvores, sendo que “no projeto final, a obra de remodelação prevê o triplo de árvores comparativamente com as atualmente existentes”. , segundo pode ler-se na nota enviada pela Câmara Municipal de Guimarães.

Nessa mesma nota é indicado que a Ribeira da Canhota, que se encontra canalizada e submersa, será novamente colocada a céu aberta, o que “vai promover uma linha de água de grande interesse ambiental, permitindo a criação de uma galeria ripícola com a plantação de árvores autóctones e que são características de zonas húmidas”.

Face a esta circunstância as árvores derrubadas no Largo Frei Cristóvão dos Reis serão substituídas por novas, mais adequadas a esta realidade.

“Serão substituídas as atuais espécies, que apresentavam sinais de patologias graves, de acordo com uma avaliação do estado fitossanitário realizada pela UTAD (Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro), onde se verificaram várias árvores com problemas de crescimento amorfo e em mau estado sanitário. Além disso, com o alargamento do leito do rio, as árvores que estão na extensão do seu percurso não podem permanecer naquele local e têm de ser substituídas. Assim, serão plantadas no local novas árvores, adaptadas a habitats ribeirinhos e em condições de parâmetros ambientais e dendrométricos que permitam o seu desenvolvimento harmonioso, sem condicionantes, melhorando a paisagem urbana e a sua biodiversidade”, diz o município.

Domingos Bragança, presidente da Câmara Municipal de Guimarães, esteve na tarde desta quarta-feira no local, juntamente com a vereadora do ambiente, Sofia Ferreira, onde reuniu com o executivo da Junta de Freguesia de Caldelas e fez uma visita às obras.