21 fevereiro 2024 \ Caldas das Taipas
tempo
18 ºC
pesquisa

Taipas volta a ter melhor pontuação no concurso das eco-freguesias

Redação
Freguesias \ quinta-feira, julho 13, 2023
© Direitos reservados
Vila granjeou de novo o estatuto que teve no concurso de 2018/19, desta vez com uma percentagem de 96%, a melhor entre todas as freguesias de 2.500 a 10 mil eleitores que se candidataram.

A Junta de Freguesia de Caldelas obteve a melhor pontuação entre todas as freguesias de 2.500 a 10 mil eleitores que se candidataram ao estatuto de eco-freguesia para a quarta edição do concurso, respeitante ao biénio 2022/23. Depois de saber que alcançara uma percentagem de 96% por intermédio da associação organizadora do concurso, a Associação Bandeira Azul da Europa (ABAE), a autarquia soube esta quinta-feira que foi a primeira classificada, na gala que decorre em Miranda do Corvo, no distrito de Coimbra.

A vila termal obtivera a melhor classificação entre as freguesias de 2.500 a 10 mil eleitores em 2018/19, com 87%, e melhorou o seu desempenho na edição de 2020/21, ao alcançar um índice de 94,28%. Esse resultado, porém, foi o terceiro melhor a nível nacional.

Além de Caldas das Taipas, há uma outra freguesia do concelho de Guimarães entre as sete que alcançaram classificação superior a 90%: Brito. No patamar das freguesias de 2.500 a 10 mil eleitores, há mais sete territórios do concelho distinguidos: Creixomil, São Torcato, Urgezes, Ronfe, Costa, Fermentões, com índices entre 70 a 90%, e Ponte, com classificação entre 50 a 70%.

Quanto aos territórios abaixo dos 2.500 eleitores, há 10 freguesias ou uniões do concelho de Guimarães consideradas eco-freguesia, três delas na área norte: Barco e a União de Freguesias (UF) de Briteiros Santo Estêvão e Donim, com classificação entre 70 e 90%, bem como Longos (50 a 70%). Os outros territórios agraciados com a bandeira verde são Guardizela, União de Freguesias de Prazins Santo Tirso e Corvite, Silvares, Aldão, UF de Leitões, Oleiros e Figueiredo, Gondar e Pencelo.