01 outubro 2022 \ Caldas das Taipas
tempo
18 ºC
pesquisa

Bombeiros Taipas: reunião inconclusiva, Chefe António Moreira no comando

Bruno José Ferreira
Sociedade \ quarta-feira, setembro 14, 2022
© Direitos reservados
Continua o diferendo entre o corpo ativo e a direção dos Bombeiros das Taipas. Numa longa reunião não houve consenso.

Corpo ativo e direção dos Bombeiros das Taipas estiveram reunidos na noite desta terça-feira para tentar ultrapassar o diferendo entre as partes, mas após várias horas de argumentação a situação não se resolveu. Recorde-se que na noite da última sexta-feira os bombeiros chegaram mesmo a colocar os capacetes na parada, em sinal de protesto.

Com o Adjunto de Comando Paulo Gomes a demitir-se, posição que foi reforçada ontem, em mais uma situação de recurso será o Chefe António Moreira – o chefe mais velho em exercício na corporação – a assumir funções de comando já a partir desta quinta-feira.

O mal-estar nos bombeiros não é de agora, sendo que na reunião Paulo Gomes expôs várias situações que têm comprometido o funcionamento dos bombeiros, situações essas levaram ao seu desgaste e a ter de se afastar, apurou o Reflexo.

O corpo de bombeiros sugeriu a demissão e reformulação da direção, presidida por Manuel Castro, algo que terá estado em cima da mesa, revelou fonte próxima do processo ao Reflexo, mas a proximidade das eleições levou a que esse cenário fosse posto de parte, pelo menos para já.

As eleições dos órgãos sociais da Associação Humanitária dos Bombeiros estão previstas para dezembro, sendo que neste cenário, a direção vai tentar resolver algumas questões imediatas, repensando a sua situação.

O desgaste dos últimos tempos, que fez os bombeiros colocarem os capacetes na parada, leva a que o corpo ativo de bombeiros pondere nova tomada de posição para que sejam resolvidos os problemas, nomeadamente o pedido de passagem à inatividade de cerca de duas dezenas de soldados da paz, o que a confirmar-se pode por em causa o socorro.

Contactado pelo Reflexo, o presidente dos Bombeiros das Taipas, Manuel Castro, entendeu não tomar qualquer posição, para já. Haverá nova reunião da direção esta quarta-feira, sendo que apenas após essa reunião será tomada uma posição.