Vaudeville Rendez-Vous: o circo contemporâneo às voltas pelo Quadrilátero
Vaudeville Rendez-Vous: o circo contemporâneo às voltas pelo Quadrilátero
© Rod Penn
Quarta-feira, Julho 24, 2019

Serão 13 espetáculos, alguns deles em estreia absoluta, que passarão pelas cidades do Quadrilátero até sábado 27. esta será a sexta edição do festival que propõe, além do circo, abordagens à dança clássica indiana e ao malabarismo.

Começa hoje, em Barcelos, a sexta edição do Vaudeville Rendez-Vous. Até domingo, 28, o programa levará o circo contemporâneo até às quatro cidades do Quadrilátero Urbano.

É com uma estreia que se inicia o festival com a apresentação, no Largo da Porta Nova, de “A Simple Space”, pelo grupo australiano Gravity Others Myths.

Ao longo dos quatro dias o Vaudeville Rendez-Vous apresentará 13 espetáculos, distribuídos por 28 apresentações, nas quatro cidades – Guimarães, Braga, Barcelos e Vila Nova de Famalicão. O programa inclui várias estreias nacionais e absolutas.

O primeiro espetáculo é apresentado em Guimarães será esta quinta-feira, no Largo de Donães, pelas 19 horas. “Zoog” é uma performance com dois acrobatas, que irão representar uma história de intimidade entre um casal, com os seus altos e baixos.

Apesar de haver itinerância de grande parte dos espetáculos, alguns não passarão por Guimarães, podendo ser vistos nas cidades vizinhas. Programa poderá ser consultado online no website oficial do evento.

“A Fábrica da Mentira”, um solo de Elvis Mendes; “The Belly of The Whale”, da companhia Ockham’s Razor; “Furieuse Tendresse”, da Cirque Exalté; “Bal Trap” da Contrabande; e “Um Belo Dia”, de Dulce Duca não passarão por Guimarães.

Criado e organizado pelo Teatro da Didascália, o Festival Vaudeville Rendez-Vous, propõe uma mostra da produção de circo contemporâneo a nível nacional e internacional, contando com a ligação à rede Circusnext.