PUB
Universidade Sénior do Rotary Club de Caldas das Taipas associa-se ao Dia Mundial de Combate à Pólio
Universidade Sénior do Rotary Club de Caldas das Taipas associa-se ao Dia Mundial de Combate à Pólio
Quinta-feira, Novembro 15, 2018

O Rotary Club de Caldas das Taipas é um dos 35.757 clubes de Rotary International, que tem levado a cabo várias iniciativas para contribuir para a erradicação desta doença. Embora não haja cura, a pólio pode ser prevenida pela vacina, que foi usada pelo Rotary e seus parceiros para imunizar mais de 2,5 mil milhões de crianças no mundo inteiro.

O dia 24 de outubro é o dia em que em todo o mundo, os clubes Rotários realizam iniciativas que permitam aumentar a consciencialização da Poliomielite e divulgar os progressos até agora alcançados no que toca ao combate da doença. São efetuadas campanhas de recolha de fundos, que permitam ajudar a erradicar esta doença.

A Poliomielite é uma doença viral que pode afetar os nervos e levar à paralisia parcial ou total do corpo. Apesar de também ser chamada de paralisia infantil, a doença pode afetar tanto crianças quanto adultos. O vírus da pólio, geralmente contraído pela ingestão de água contaminada, ataca o sistema nervoso e pode levar à paralisia.

Embora não haja cura, a pólio pode ser prevenida pela vacina, que foi usada pelo Rotary e seus parceiros para imunizar mais de 2,5 mil milhões de crianças no mundo inteiro.

Formada em 1988, a Iniciativa Global de Erradicação da Pólio é uma parceria público-privada entre o Rotary International, a Organização Mundial da Saúde, o Centro Norte-Americano de Controle e Prevenção de Doenças, a UNICEF, a Fundação Bill e Melinda Gates e Governos de diferentes partes do mundo.

O Rotary Club de Caldas das Taipas é um dos 35.757 clubes de Rotary International, que tem levado a cabo várias iniciativas para contribuir para a erradicação desta doença. Este ano, tal como no ano anterior, organizou um jantar frugal, onde todo o valor angariado contribuirá para a compra de vacinas. Contudo, resultante da parceria do Rotary com a Fundação Bill e Melinda Gates todo o valor arrecadado por Rotary International será triplicado por esta fundação.

Existem apenas três países onde a doença é endémica: Afeganistão, Nigéria e Paquistão. Em 2016 foram confirmados 37 casos de pólio no mundo, refletindo uma redução de mais de 99,9% desde a década de 1980, quando ocorriam por volta de 1.000 casos por dia. O número de casos restantes são os mais difíceis de prevenir devido a fatores que incluem isolamento geográfico, precariedade das infraestruturas públicas, conflitos armados e barreiras culturais.

Até que a pólio seja erradicada, todos os países permanecem em risco de terem surtos da doença.
O objetivo principal será eliminar a pólio para sempre. Enquanto não forem eliminados os focos da doença, toda criança correrá o risco de contraí-la.

Texto da autoria e responsabilidade da Universidade Sénior do Rotary Club de Caldas das Taipas.