PUB
Servilusa vai gerir crematório em Guimarães
Servilusa vai gerir crematório em Guimarães
© Direitos Reservados
Terça-feira, Outubro 24, 2017

O Consórcio Servilusa/ Nuno & Pereira Construção, Lda. é a entidade a quem foi concessionada a conceção, construção e exploração do crematório de Guimarães, que deverá ser instalado no Cemitério de Monchique.

A instalação de um crematório em Guimarães é uma necessidade identificada pelas empresas do setor: “Espero que nos finais do primeiro semestre de 2018 possamos ter o crematório a funcionar, o que corresponderá de facto às necessidades das famílias, que não precisam de se deslocar de Guimarães se optarem por este modo de dar fim aos seus restos mortais”, pontuou o presidente Domingos Bragança, no final da última reunião de Câmara em que foi apresentado o relatório final do concurso público de para a obra e gestão deste equipamento.

A Servilusa, lê-se no site da empresa, é a maior empresa funerária de Portugal, detida em 100% pelo Grupo Mémora, empresa de serviços funerários, cujo capital pertence maioritariamente ao Ontario Teachers’ Pension Plan, um fundo de pensões com sede em Toronto que abrange atualmente 318 mil professores canadianos, no ativo e reformados da província canadiana de Ontário.