Ser a Inspiração
Domingo, Julho 7, 2019

Em Rotary, em cada ano rotário, o presidente da Rotary International desse mesmo ano escolhe o seu lema. Barry Rassin, presidente da RI em 2018-19, escolheu o lema “Seja a inspiração”. Dizia ele para os rotários se deixarem inspirar pelo grande lema rotário, “Dar de si antes de pensar em si” e serem a inspiração que levaria as pessoas a entrarem em ação.

De facto, este é um lema que diz muito, não só aos rotários, mas também à sociedade. Está diretamente relacionado com os rotários, porque estes são pessoas que se juntam para causar mudanças duradouras no mundo… É por isso que são uma inspiração! E está, igualmente, diretamente relacionado com a sociedade pois, para além de ser a beneficiada com as ações rotárias, cada uma das pessoas pode e deve ser uma inspiração?

A palavra “inspiração” surge, muitas vezes, ligada à palavra “herói”. Na minha opinião, surge bem, porque um herói é uma inspiração! E não poderá cada um de nós, ser uma inspiração, ser um herói? Sim… Ser um herói não significa que tenhamos de ser como aqueles da Antiguidade, com aquelas qualidades extremas. Na comunidade, existem aqueles heróis anónimos, que cada um o pode ser. Um sorriso, um abraço, o afeto, a conversa, a ajuda, um simples gesto podem ser um ato de heroísmo. Podemos, assim, ser uma inspiração.

Voltando a Rotary, já que estamos em fim de ano rotário, é necessário fazer um balanço do ano. Quanto ao meu club, Interact Club de Caldas das Taipas, tenho a dizer que, apesar de tudo, o balanço é positivo, pois conseguimos ser uma inspiração, agindo na comunidade e para a comunidade.

E cito as palavra de Barry Rassin: “Sejam a Inspiração. Juntos, nós podemos e iremos inspirar o mundo”.

Aqui fica o conselho.