PUB
Projetos de estudantes do IPCA em destaque na European Innovation Academy 2018
Projetos de estudantes do IPCA em destaque na European Innovation Academy 2018
© Direitos Reservados
Sexta-feira, Agosto 24, 2018

Um grupo de alunos do Instituto Politécnico do Cávado e do Ave (IPCA) participaram em grupos de outros estudantes de outras nacionalidades. Os projetos apresentados pelos minhotos receberam apoio para o desenvolvimento das suas ideias.

Realizou-se no início do mês de agosto, em Cascais, a edição portuguesa da European Innovation Academy. Esta estrutura de aceleração de ideias está presente em 85 países e visa orientar jovens empreendedores no sentido de alcançar sucesso na era digital.

Na sessão portuguesa, quatro estudantes do IPCA estiveram presentes a defender as suas ideias e conseguiram apoios importantes, que poderão ser uma ajuda fundamental na concretização das suas ideias. Estiveram na final da European Innovation Academy cerca de 700 participantes, organizados por 90 equipas.

A equipa onde estão os portugueses Moisés Moreira e Ana Catarina Lopes apresentou o projeto COPITO, que visa desenvolver um copo reutilizável, para substituir os copos descartáveis de plástico. Através de uma aplicação de companhia, os proponentes acreditam que os consumidores ficarão motivados a reusar o copo em vários locais, nomeadamente em bares e restaurantes parceiros.

Um segundo projeto defendido na European Innovation Academy propõe a agregação numa app vários serviços ligados à beleza e estética do corpo. Gabriela Sá, uma das proponentes portuguesas desta ideia, acredita que os vários agentes ligados ao setor, muitos deles a trabalhar em regime freelancer, possam interagir de forma facilitada com os seus potenciais clientes.

Desenvolver nas crianças competências ligadas à programação de código enquanto brincam é o que pretende conseguir a equipa que defendeu o projeto Kode4all. A equipa, onde está Beatriz Abreu está convencida de que é possível que as crianças aprendam preceitos básicos das ciências da computação através de uma plataforma com “programação acessível a todos”.

Todos estes projetos chamaram a atenção e ganharam a oportunidade de continuar a desenvolver as suas ideias através de vários prémios. O projeto COPITO terá apoio de mentoria por um ano na European Innovation Academy. A ideia para a plataforma de serviços de beleza – BELLA ganhou uma participação na publicação Alchemist Accelarator. O KODE4ALL teve como prémio o registo da marca.