PUB
Ver carrinho “Jornal Reflexo #255” foi adicionado ao seu carrinho.
2019-11-loja-online

Jornal Reflexo #282

1.00 IVA incl.

Gala “A Terra onde a Lua fala”

Para além dos méritos que possa ter tido no que diz respeito à sua organização, será importante refletir sobre alguns aspetos inerentes a esta iniciativa.

Em primeiro lugar, a questão, que o próprio presidente do executivo levantou na sua intervenção, de um jornal estar associado à Junta de Freguesia na concretização do evento. 

O jornal fica condicionado pela organização conjunta da gala? Não somos ingénuos nesta questão. Todo o poder, seja político ou económico, gosta de controlar a comunicação social. Essa comunicação social pode deixar-se controlar. Manifestamente, o passado e o presente deixam-nos tranquilos neste ponto.

A segunda questão prende-se com a periodicidade deste reconhecimento público a personalidades e/ou entidades que promovam a imagem de Caldas das Taipas. Não reúne consenso, nem na Junta de Freguesia, nem dentro do Reflexo. Deverá ser anual ou bienal?

Parabéns a todos os homenageados, que bem o mereceram. Um agradecimento às empresas que apoiaram o evento, sem as quais não seria possível essa concretização. Um reconhecimento a todos os que se envolveram direta e indiretamente na organização. Um obrigado aos apresentadores, Helena Lopes e Paulo Machado. Os momentos musicais de alto nível foram momentos que dignificaram esta segunda gala. Por fim, um reconhecimento aos bombeiros pela disponibilização do espaço.

Feliz Natal e um magnífico 2020!
Ler o Editorial na íntegra  

Alfredo Oliveira
Diretor

Categoria: Etiqueta:

Product Description

Gala “A Terra onde a Lua fala”

Para além dos méritos que possa ter tido no que diz respeito à sua organização, será importante refletir sobre alguns aspetos inerentes a esta iniciativa.

Em primeiro lugar, a questão, que o próprio presidente do executivo levantou na sua intervenção, de um jornal estar associado à Junta de Freguesia na concretização do evento. 

O jornal fica condicionado pela organização conjunta da gala? Não somos ingénuos nesta questão. Todo o poder, seja político ou económico, gosta de controlar a comunicação social. Essa comunicação social pode deixar-se controlar. Manifestamente, o passado e o presente deixam-nos tranquilos neste ponto.

A segunda questão prende-se com a periodicidade deste reconhecimento público a personalidades e/ou entidades que promovam a imagem de Caldas das Taipas. Não reúne consenso, nem na Junta de Freguesia, nem dentro do Reflexo. Deverá ser anual ou bienal?

Parabéns a todos os homenageados, que bem o mereceram. Um agradecimento às empresas que apoiaram o evento, sem as quais não seria possível essa concretização. Um reconhecimento a todos os que se envolveram direta e indiretamente na organização. Um obrigado aos apresentadores, Helena Lopes e Paulo Machado. Os momentos musicais de alto nível foram momentos que dignificaram esta segunda gala. Por fim, um reconhecimento aos bombeiros pela disponibilização do espaço.

Feliz Natal e um magnífico 2020!
Ler o Editorial na íntegra  

Alfredo Oliveira
Diretor