PUB
Plano de Mobilidade Urbana Sustentável de Guimarães aberto à discussão até 31 de dezembro
Plano de Mobilidade Urbana Sustentável de Guimarães aberto à discussão até 31 de dezembro
© Fotografia Matos
Sexta-feira, Dezembro 28, 2018

Documento continua em discussão pública e será submetido à reunião do Executivo da Câmara e Assembleia Municipal.
O presidente da Câmara Municipal de Guimarães, Domingos Bragança, destaca a participação dos vimaranenses neste processo e admite receber contributos até ao momento em que o documento ficar encerrado para ser submetido a reunião do Executivo da Câmara e posteriormente à Assembleia Municipal, apesar do prazo definido para a discussão pública terminar no dia 31 de dezembro.

Os documentos do PMUS para Guimarães estão disponíveis para consulta desde novembro passado no site do município (https://www.cm-guimaraes.pt/pages/1418?news_id=4038) e entretanto decorreram duas sessões públicas com as presenças de técnicos e do Presidente da Câmara, a fim de prestar os necessários esclarecimentos.

Os documentos evidenciam a visão em 7 áreas de intervenção e o respetivo enquadramento temático: A Cidade que Caminha (Rede pedonal e Qualidade de Circulação Pedonal); A Cidade Ciclável (Rede, sistema e incentivo à mobilidade ciclável); A Promoção dos Transportes Públicos (Serviço, Infraestrutura e Material circulante); A Otimização do Sistema Viário (Rede viária, estacionamento e logística); A Integração de Modos (Intermodalidade); As Dinâmicas do Planeamento da Mobilidade (Instrumentos de Planeamento) e A Introdução de Nova Cultura de Mobilidade (Sensibilização e Formação).

O plano em questão reflete-se em todo o território, principalmente nas vilas do concelho, através do guia de boas práticas. Domingos Bragança anunciou ainda que Guimarães vai avançar com o Plano Municipal de Segurança Rodoviária e rever o Plano Municipal de Acessibilidade assente num “conceito cultural de mobilidade” e cujo objetivo passa pela sustentabilidade e por devolver os espaços ao cidadão.

Guimarães é dos primeiros concelhos em Portugal a apresentar um Plano de Mobilidade Sustentável (PMUS) que visa definir novas prioridades na área da mobilidade, tendo em linha de conta os peões, a bicicleta, os transportes públicos, o uso eficiente do carro e os carros. “Mais cedo ou mais tarde, todas as cidades terão de ter um Plano de Mobilidade Sustentável e Guimarães já o tem elaborado, apesar de ser um documento aberto e sempre sujeito a alterações”, explicou Paula Teles, coordenadora do projeto elaborado pela empresa MobilidadePT, na sessão púbica que decorreu esta quinta-feira, 27 de dezembro, na Escola Secundária Francisco de Holanda.

No âmbito da rede ciclável e pedonal, o Presidente da Câmara deu conta dos contactos já estabelecidos com municípios como Famalicão, Braga, Felgueiras e ainda Vizela para a apresentação de projetos a fundos comunitários no sentido de ligar os territórios.