PUB
Novo equipamento científico à escala europeia será lançado no Avepark
Novo equipamento científico à escala europeia será lançado no Avepark
Segunda-feira, Maio 22, 2017

Um ano depois de ter sido anunciado, o Discoveries Centre for Regenerative and Precision Medicine será lançado amanhã numa sessão protocolar. A sede da rede de investigação científica ficará instalada no Avepark, num edifício que será construído para o efeito.

O novo equipamento científico a instalar no Avepark será apresentado esta terça-feira, 23 de Maio, numa cerimónia protocolar que juntará representantes do setor da ciência portugueses e europeus. O Discoveries Centre for Regenerative and Precision Medicine deverá ser um importante centralidade de investigação científica a nível europeu, juntando cinco universidades portuguesas e a University College London, cujo trabalho na área da saúde é considerado referência mundial.

Este centro de investigação deverá ser estruturante, especialmente no campo da medicina regenerativa, reunindo uma rede de equipas multidisciplinares dos principais institutos de investigação portugueses. Este projeto conta, na globalidade, com um financiamento de 15 milhões euros por parte da Comissão Europeia.

O novo equipamento deverá ficar instalado num novo edifício, que será construído junto à atual sede do Grupo 3B’s da Universidade do Minho, tendo um custo estimado de 10,8 milhões de euros. Rui L. Reis, líder deste laboratório de investigação, será também o coordenador do Discoveries Centre. Aliás, a sede desta rede de investigação terá sede no Avepark.

A sessão de lançamento está marcada para o auditório do edifício central do Avepark, pelas 10.30 horas, sendo de esperar a presença do ministro da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior, Manuel Heitor; Patrick Child, diretor-adjunto para a Investigação e Inovação da Comissão Europeia; a embaixadora do Reino Unido; além de representantes da Universidade do Minho e da Câmara Municipal de Guimarães.

As conversações para a defesa da instalação do Discoveries Centre for Regenerative and Precision Medicine começaram a ganhar corpo no início de 2016. Em Maio, eram apresentadas no Porto, as linhas gerais deste empreendimento científico. A confirmação de que o Avepark iria receber a sede do Discoveries Centre chegou perto do final do ano, em Novembro, e a assinatura do contrato com a Comissão Europeia aconteceu já este ano, em Fevereiro, na cidade de Bruxelas.