PUB
Manuel Castro não consegue pontuar no Azores Airlines Rallye 2018
Manuel Castro não consegue pontuar no Azores Airlines Rallye 2018
© Direitos Reservados
Terça-feira, Março 27, 2018

Devido a uma série de problemas elétricos e mecânicos o Hyundai i20 de Manuel Castro não satisfez as expectativas criadas pela equipa Racing 4 You para a prova açoreana. Apesar de tudo, na última etapa, a equipa Castro/Castro mostrou-se rápida e competitiva.

Era um dos principais objetivos da equipa de Manuel Castro, para a segunda jornada a pontuar para o Campeonato Nacional de Ralis. No entanto, devido a um problema elétrico que impediu o Hyundai i20 pegar à saída do parque de assistência, o piloto taipense iniciou a prova com uma penalização de 2:20 minutos.

“Não era a forma com que queríamos começar o rali. Para mais, o Hyundai sofreu de alguma falta de potência o que colocou as coisas ainda mais difíceis para nós” – explica o piloto taipense.

No decorrer da primeira especial, logo aos primeiros quilómetros da primeira especial da prova, o motor do automóvel ficou sem a correia do alternador o que obrigou à desitencia da equipa da Racing 4 You. “É frustrante para nós. Mais uma vez a sorte não quis nada connosco” – desabafou Manuel Castro.

Apesar de todas as contrariedades, após a reparação das avarias dos dias anteriores, Manuel Castro e Mário Castro voltaram para a última etapa em super-rally, conseguindo boas marcas. O piloto do Hyundai conseguiu andar entre os 15º primeiros do europeu, e dentro dos três primeiros dos pilotos que pontuavam para o Nacional de Ralis.

“O rali não nos correu bem, não tivemos sorte, mas penso que deu para demonstrar que estamos mais rápidos e que podem contar connosco para animar a luta pelo top 5 do nacional de ralis nas próximas provas” – concluiu o piloto, em jeito de balanço da sua participação no Azores Airlines Rallye 2018.