JpG quer alterar PDM para duplicar zonas industriais
JpG quer alterar PDM para duplicar zonas industriais
Terça-feira, Junho 6, 2017

A Coligação Juntos por Guimarães lançou ontem, 05, mais um pilar do seu programa eleitoral: a duplicação das zonas industriais no concelho com núcleos nas Taipas/Ponte, S. Torcato, Moreira de Cónegos, Ronfe/Brito e Pevidém. Mas para isso terá que alterar o PDM.

André Coelho Lima, que lidera a candidatura da Coligação Juntos por Guimarães (PSD, CDS, PPM e PPV) à Câmara, apresentou ontem mais uma ideia para as próximas eleições autárquicas de 01 de outubro. Referiu que havendo uma resposta para o centro da cidade, com a criação dos parques de estacionamento de Toural e Alameda, assim como uma proposta de interligação viária no concelho, urge agora estimular a economia investindo em cinco zonas industriais.

É uma resposta àquilo que considera ser a resposta deficitária por parte da atual Câmara às demandas dos empresários que querem expandir as suas indústrias ou instalar novas: “A Câmara tem de ter uma postura e visão pró-activa e ajustada à realidade e não pode ser surpreendida. Tem que se antecipar e estar preparada para diversas circunstâncias, porque neste momento Guimarães, temos de reconhecer, não está preparada para receber grandes investimentos [dando o exemplo da instalação do Ikea em Paços de Ferreira] e não tem o trabalho de casa feito caso surja uma multinacional com interesse em se instalar no concelho”.

Fixar empresas, aumentar a oferta de emprego assente na economia e combater a perda populacional na última década são os objetivos deste candidato com a medida ora anunciada.

Nesse sentido, André Coelho Lima frisou a necessidade de rever o Plano Diretor Municipal “até ao final do ano” para disponibilizar bolsas de terreno para a constituição destas zonas industriais.