PUB
Hermenegildo Abreu será o novo Comandante Distrital da Proteção Civil
Hermenegildo Abreu será o novo Comandante Distrital da Proteção Civil
Sexta-feira, Dezembro 16, 2016

A notícia foi avançada pelo Jornal de Notícias desta sexta-feira, 16 de Dezembro. O até aqui Comandante dos Bombeiros das Taipas foi indicado pela Autoridade Nacional de Proteção Civil para dirigir o Comando Distrital de Braga.

O Corpo Ativo dos bombeiros taipenses foi ontem informado, oficialmente, desta decisão e a recém eleita Direção desta Associação Humanitária já pensa na substituição de Hermenegildo Abreu que, aos 46 anos e 30 anos de bombeiros, chega ao mais alto patamar distrital da Proteção Civil. A sua entrada em funções aguarda apenas a publicação de despacho interno por parte da Autoridade Nacional de Proteção Civil, o que poderá acontecer nos próximos dias.

Não tendo conseguido recolher declarações do próximo Comandante Distrital, recuperamos duas questões a que Hermenegildo Abreu respondeu no passado mês de Outubro, em entrevista concedida ao jornal Reflexo.

Questionado sobre o horizonte temporal para se manter no Comando dos bombeiros taipenses, Hermenegildo Abreu respondeu que “ninguém é eterno e penso que daqui a algum tempo é preciso dar lugar a outro. Faço parte do Comando desde 2001 e desde 2009 como comandante. Eu vou na segunda comissão como comandante e acho que no fim desta comissão talvez seja a hora de dar lugar a outro”. Sobre o que gostaria de ver concretizado na altura da sua saída do Comando, o ainda Comandante taipense disse que gostaria de ver os bombeiros das Taipas chegar aos 130 elementos e a ter “um veículo urbano novo e o parque de viaturas arranjado. Depois, passar o testemunho a alguém com a mesma vontade e com a mesma força que nós tivemos até à data e que faça mais e melhor. Isso era o ideal”.

José das Neves Machado, presidente da Direção da Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários das Taipas, reeleito no passado dia 10 de Dezembro para um novo mandato, considera esta nomeação de “excecional relevo, quer para os bombeiros das Taipas, quer para o município de Guimarães” e garantiu ao Reflexo que, na sua cabeça, já tem definido o que pretende para dar seguimento ao trabalho desenvolvido por Hermenegildo Abreu. “Acho que será de comum acordo uma solução de continuidade para a nomeação do novo Comandante”, disse a este propósito, numa clara alusão à possibilidade da indicação da Direção poder ser no sentido de nomear para novo Comandante Ernesto Soares, atual 2º Comandante e que ficará, interinamente, a dirigir o Corpo Ativo, ou Rafael Amâncio, Adjunto da atual equipa de Comando.