PUB
Guimarães Jazz adapta-se ao estado de emergência com concertos de manhã
Guimarães Jazz adapta-se ao estado de emergência com concertos de manhã
Bruno José Ferreira
Terça-feira, Novembro 10, 2020

De 12 a 22 de novembro, vai decorrer a 29ª edição do Guimarães Jazz. As novas medidas do estado de emergência obrigaram a uma adaptação de horários.

A partir desta quinta-feira, 12 de novembro, vai decorrer a 29ª edição do Guimarães Jazz, que se estende até dia 22 de novembro. Todos os concertos terão lugar no Grande e Pequeno auditórios do Centro Cultural Vila Flor, à exceção do Projeto Porta-Jazz / Guimarães Jazz que decorrerá na Black Box do Centro Internacional das Artes José de Guimarães.

A assinatura para aceder a todos os concertos desta edição encontra-se disponível pelo valor de 45 euros e os bilhetes individuais variam entre o gratuito e os valores de 5 a 10 euros por ingresso, podendo ser adquiridos online nos sites guimaraesjazz.pt, aoficina.pt e ccvf.pt e presencialmente nas bilheteiras de espaços geridos pel’A Oficina como o Centro Cultural Vila Flor, o Centro Internacional das Artes José de Guimarães, a Casa da Memória de Guimarães ou a Loja Oficina, bem como nas Lojas Fnac, El Corte Inglés e Worten.

As novas medidas apresentadas no âmbito do estado de emergência, voltam a trocar as voltas aos espetáculos. Os concertos do Guimarães Jazz agendados para os próximos dois fins de semana sofreram alterações de datas e horários. Assim sendo, neste fim de semana, o concerto do ensemble de César Cardoso agendado para sábado, 14 de novembro, terá início às 10h30, assim como o concerto do Projeto Porta-Jazz que se realizará no domingo, igualmente às 10h30.

O Projeto da Big Band da ESMAE subirá ao palco do Centro Cultural Vila Flor na terça-feira, 17 de novembro, às 19h30. No fim de semana seguinte, o concerto de encerramento da 29ª edição do Guimarães Jazz, protagonizado por Pedro Melo Alves’ Omniae Large Ensemble, terá lugar no domingo, 22 de novembro, às 10h30.

No caso das pessoas que já tenham adquirido bilhete para um dos espetáculos cujo horário foi alterado e em que não seja possível comparecer ao mesmo, a devolução do valor encontra-se assegurada, podendo ser efetuada nos locais habituais de venda de ingressos d’A Oficina referidos acima.