Guimarães já tem um Provedor do Idoso
Guimarães já tem um Provedor do Idoso
© Direitos Reservados
Quarta-feira, Março 22, 2017

José Ferreira Lopes é o provedor do idoso de Guimarães, cargo que assume desde esta quarta-feira, 22. Reconhece que o espera uma “tarefa árdua” para responder às necessidades de 20 mil idosos no concelho, sendo que existem cerca de três mil sinalizados como estando a viver sozinhos.

Assume a responsabilidade com a “consciência de que há muito para fazer em Guimarães”, onde existem “mais de 20 mil idosos, dos quais três mil vivem sozinhos ou com o cônjuge da mesma idade.” Nesse sentido, sublinha a “parceria com a tutela [a Câmara de Guimarães e a Comissão de Proteção ao Idoso]” e promete “conhecer o trabalho e as respostas de cada uma das instituições que lidam com idosos, como lares e centros de dia”.

Já Domingos Bragança destaca a “unanimidade” do nome de José Ferreira Lopes, que “tem muito trabalho pela frente”, nomeadamente ouvindo “as queixas, as propostas e a sinalização de pessoas” em situações precárias. O presidente da Câmara falou durante a apresentação do nome de José Ferreira Lopes como provedor do idoso, que teve lugar esta quarta-feira, 11, no Centro Cultural Vila Flor.

Ao provedor do Idoso cabe defender os direitos das pessoas idosas e, em articulação com a Comissão de Protecção ao Idoso, promover iniciativas que visem responder às suas necessidades, às dos cuidadores formais e informais e de todos os agentes da sociedade civil com intervenção na problemática do envelhecimento.

A iniciativa dirige-se a todos os idosos do concelho. Ferreira Lopes vai receber queixas, denúncias e reclamações, dando-lhe o devido encaminhamento. Averiguar todos os casos sinalizados, acompanhar os processos até ao encerramento, promover o desenvolvimento social e pessoal dos idosos e a sua autonomia e assegurar a representatividade da população sénior na definição das políticas da autarquia são outras das missões do provedor, uma figura pioneira no país.