PUB
Covid-19: executivo municipal aprova protocolo de testagem em lares e instituições do concelho
Covid-19: executivo municipal aprova protocolo de testagem em lares e instituições do concelho
Segunda-feira, Abril 20, 2020

A testagem de utentes e profissionais de lares de idosos voltou a ser um dos temas que mais discussão gerou na reunião de câmara desta segunda-feira, sendo aprovado um protocolo de colaboração para testagem e lares pelo executivo vimaranense.

Este protocolo de colaboração entre o Município de Guimarães, a Associação Centro de Medicina P5, da Universidade do Minho, e o Hospital Senhora da Oliveira, tem como objetivo a realização de testes na população sénior residente em lares e instituições do concelho.

André Coelho usou da palavra neste ponto da ordem de trabalhos para exigir celeridade no processo de testagem deste setor crítico da sociedade. “Se é verdade que competia ao governo disponibilizar os testes para os lares de idosos, a verdade é que se até ao dia de hoje o governo não o fez; mais de metade das câmaras do nosso distrito já o fez. Parece-me que estamos um pouco atrasados em relação ao que outros têm feito. O que temos de fazer é simples: contratar um laboratório e exigir a realização de testes em duas semanas. Tudo o resto é não tratar do problema com eficiência”, disse o vereador da oposição.

Em resposta, Domingos Bragança, presidente do município, reiterou que “a câmara está a fazer milhares de testes e já foram feitos milhares de testes em Guimarães. Ainda não tivemos os problemas que outros concelhos tiveram nos lares de idosos, tivemos sempre uma coordenação muito grande. Sem alvoroço, sem máquinas de filmar atrás de nós, estamos a trabalhar. Todo o esforço que for necessário fazer será feito. Vamos continuar a fazer o que temos feito. Vamos continuar a fazer testes no ritmo que temos feito. Se for possível e se houver meios técnicos garanto que será feita testagem”, disse Domingos Bragança.

Mesmo não concordando com este protocolo, defendendo que seria mais eficaz a contratação de um laboratório, na medida em que esta medida visa fazer mais testes, a oposição acabou por votar favoravelmente esta proposta, partindo do princípio que, tal como defende a oposição, os utentes dos lares serão testados.