Conde Margaride lembrado no centenário da sua morte
Conde Margaride lembrado no centenário da sua morte
© Direitos Reservados
Segunda-feira, Abril 22, 2019

A figura que ficou conhecida na iconografia vimaranense como Conde Margaride será lembrada pela altura do centenário do seu falecimento, com um conjunto de iniciativas promovidas por várias instituiçõs vimaranenses.

Várias entidades e instituições vimaranenses estão envolvidas na promoção de várias iniciativas que visam aludir ao momento do desaparecimento de Luís Cardoso Martins da Costa Macedo, Conde de Margaride, por altura da passagem do primeiro século do seu falecimento.

O conjunto de iniciativas terá início no sábado, 27 de abril, altura em que se realizará na Sociedade Martins Sarmento um par de conferências em torno do tema “Sistemas de representação e instituições políticas em Portugal na história contemporânea”.

Pelas 15h30, Pedro Tavares de Almeida dissertará sobre “As reformas eleitorais no Portugal Liberal: uma resenha crítica e comparativa” e José Ribeiro e Castro, cuja intervenção tem como título “A Reforma Eleitoral: uma necessidade de hoje”.

A partir do dia 2 de maio, no percurso da exposição permanente do Paço dos Duques, será possível apreciar peças de vestuário relacionadas com os Condes de Margaride e os seus servidores, numa pequena mostra do que é o acervo oferecido pela família dos Condes de Margaride ao Paço dos Duques de Bragança.

No dia 30 de julho, o dia do centenário da morte do Conde de Margaride, será inaugurada a exposição “O Conde Margaride na Sociedade Martins Sarmento”, destacando o importante papel que desempenhou nesta instituição. No mesmo dia, a Casa da Memória de Guimarães propõe a “Cartografia de um retrato” com uma visita aos lugares do Conde de Margaride na cidade.

O programa terminará com a apresentação e disponibilização online do arquivo Conde Margaride – Casa do Carmo, numa sessão agendada para 15 de novembro, às 18h00, no Arquivo Municipal Alfredo Pimenta. Esta sessão sob o tema “Conde de Margaride. Das origens ao pariato: trajetória de um político local de dimensão nacional”, por Francisco Brito e Rui Faria.

Referência ainda para a visita guiada à Casa do Carmo, no dia 13 de julho. Esta foi a habitação dos Condes de Margaride. A participação nesta iniciativa necessita de uma incrição prévia junto que pode ser feita pelo email com endereço pduques.se@culturanorte.gov.pt.