Candidato Luís Soares quer uma mudança efetiva na freguesia de Caldelas
Candidato Luís Soares quer uma mudança efetiva na freguesia de Caldelas
Segunda-feira, Julho 17, 2017

A candidatura do Partido Socialista em Caldelas acrescentou um novo momento na sua campanha às autárquicas de outubro. Luís Soares apresentou os restantes candidatos que constituirão a sua lista.

A noite quente de sexta-feira, 14 de julho, foi a altura escolhida pela candidatura socialista à autarquia de Caldelas para dar a conhecer o seu elenco de candidatos, que secundarão Luís Soares nas próximas eleições.

A praça do antigo mercado da vila transformou-se mais uma vez, num clima de festa induzida, frequente naquele espaço nos últimos dias. A animação era generalizada, com cantares populares até pouco antes das dez da noite, altura em que se fizeram ouvir as intervenções políticas que dariam a conhecer a lista do PS em Caldelas.

Foram nomeados 77 nomes que integrarão o elenco a apresentar até ao dia 7 de agosto no Tribunal de Guimarães. A lista foi apresentada seguindo uma ordem quase alfabética, impossibilitando assim saber quais os candidatos que terão possibilidade de serem mandatados após a eleição.

A anterior intervenção pública de Luís Soares enquadrada no alinhamento da sua candidatura, no dia 5 de maio último, foi marcada por um discurso num tom de tranquilidade, onde procurou imprimir um registo não abrasivo, evitando usar como argumento dossiês sensíveis.

Desta feita, porém, o registo foi igualmente emotivo mas mais inflamado, onde se reforçaram algumas das ideias centrais deixadas no ar na altura de apresentação do candidato – a comunidade e o coletivo, juntando agora as ideias de equipa e de mudança.

E Luís Soares recuperou uma afirmação deixada há pouco menos de uma semana, no mesmo espaço, pelo seu adversário Cândido Capela Dias, em que este afirmava a necessidade de uma mudança em Caldelas. Luís Soares pegou nesta mesma ideia e tornou-a na peça central do seu discurso – “a mudança está para chegar e está para chegar de vez à vila de Caldas das Taipas”, exclamou Soares, apelando à mobilização e ao voto.

Luís Soares fez alusão ao trabalho efetuado nos últimos dois meses, auscultando a população e recolhendo contributos para a construção do que será o seu programa, que deverá ser apresentado no mês de setembro e sufragado na eleição de outubro.

De igual modo ao que aconteceu em maio, Luís Soares optou por evitar questões fraturantes, mas não deixou de deixar ténues referências à gestão da atual Junta de Freguesia – “os projetos que estiveram assentes na ideia de uma pessoa ou de um candidato, fracassaram e conduziram a vila à situação precária que hoje conhecemos”, disse.

Ao mesmo passo, assumiu-se como líder mobilizador e empenhado, acrescentando que essa liderança não será efetiva se for de uma pessoa singular, referindo-se mais uma vez a toda a entourage que por esta altura já ocupava o palco, à qual o candidato socialista agradeceu.

Luís Soares terminou elencando pistas que poderão deixar antever algumas das linhas do seu programa. O cabeça de lista socialista reiterou a defesa de uma vila jardim, com espaços verdes cuidados (a primeira medida, já anunciada), acrescentando que a vila deverá tornar-se dinâmica e atrativa para crianças, jovens e idosos. Luís Soares quer a vila num postal, “uma sala de visitas do Minho”.

O discurso de Luís Soares foi precedido por outras intervenções de Nelson Felgueiras, José João Torrinha e Armindo Costa e Silva. Em todas elas proferiram-se palavras sugeridas pela circuntância, sublinhando as qualidades quer do principal candidato, quer do conjunto da lista. O presidente da Câmara Municipal e igualmente candidato Domingos Bragança esteve ausente, mas fez-se ouvir através de uma mensagem escrita.

O líder da Juventude Socialista em Guimarães destacou a heterogeneidade dos candidatos e realçou que a escolha por esta candidatura representará um sinal forte de mudança, em alternativa a “uma proposta de um presidente por procuração, um presidente por interporta pessoa”, rematou.

Nelson Felgueiras garantiu ainda que o trajeto até 1 de outubro será “um caminho pela positiva” lamentando o rumo que a campanha eleitoral está a tomar, com o que considerou serem jogos de ataques pessoais nas redes sociais.

O candidato pelo PS para liderar a Assembleia Municipal, José João Torrinha, recordou o momento em que conheceu Luís Soares, destacando o que considera serem as melhores qualidades do candidato taipense, sublinhando o gosto pelas suas origens e pela sua terra – “quem esteve presente até agora, não será seguramente como presidente de junta que estará ausente”, disse o deputado municipal, referindo-se a Luís Soares.

Coube a Armindo Costa e Silva ler a mensagem do candidato socialista à Câmara Municipal de Guimarães. Domingos Bragança (ausente para um período de férias), depositou a sua confiança no programa a apresentar pela candidatura taipense, garantindo a disponibilidade da câmara para trabalhar em conjunto.

O presidente do PS de Guimarães, por seu turno, destacou mais uma vez as qualidades “humanas e políticas” de Luís Soares, “que é seguramente um dos nossos melhores deputados da Assembleia da República”. Manifestou a sua confiança na vitória de Luís Soares nas Taipas, reforçando a necessidade do voto socialista também para a Assembleia Municipal e para a Câmara Municipal.

A lista

Alexandra Ferreira, Álvaro Silva, Amadeu Silva, Américo Faria, Ana Ferreira, Ana Garcia, Anabela Gonçalves, Andreia Neves, António Joaquim Oliveira, Artur Gomes Oliveira, Augusto Mendes, Carlos Pizarro, Célia Renata, Lara Cunha, Cristina Marques, Dalila Mota, Daniela Pimenta, David Barroso, David Silva, Dionísio Gomes, Domingos Maia, Domingos Marques Sousa, Eduardo Moreira, Eliana Morais, Elisabete Gouveia, Emídio Silvério, Emília Lopes, Filipe Freitas, Filipe Silva, Francisco Bernardo, Francisco Martinho, Francisco Silva, Franco André Rafael, Hélder Silva, Henrique Azevedo, Horácio Nogueira, Isaias Gomes, Isaias Marques, Jacinto Silva, João Manuel Ribeiro, João Pedro Pereira, Joaquim da Costa Ferreira, Joaquim Maia Rodrigues, José Agnelo Pires, José Fonseca, José Maia Freitas, José Santos, Júlio Duarte, Lara Rodrigues, Leandro Neves, Luís Anjo, Luís Filipe Anjo, Luís Gama, Luís Porto, Luís Romeu, Luís Soares, Manuel Ferreira, Manuel Magalhães, Manuel Oliveira, Maria de Lurdes Barbosa, Maria do Carmo Pereira, Maria do Céu Silva, Maria Fernanda Lopes, Mário Barbosa, Marta Gomes, Marta Mendes, Nuno Alves Pinto, Nuno Silvério, Olga Silva, Patrícia Correia, Patrícia Lopes, Patrício Ferreira, Porfírio Martinho, Rafaela Ribeiro, Sérgio Araújo, Tiago Carvalho, Vânia Rafaela

Artigos Relacionados