PUB
Bolsas de estacionamento necessárias e a já existente
Terça-feira, Janeiro 26, 2021

Com o início das obras do centro, embora nesta altura concentradas junto à igreja matriz no seguimento do planeamento entre a junta de freguesia e o empreiteiro para que os constrangimentos sejam minimizados ao máximo, o tema das bolsas de estacionamento de apoio aos locais mais movimentados saltou para a praça pública. Primeiro com a entrevista do Dr. Domingos Bragança ao Reflexo e depois na assembleia de freguesia com as explicações dadas pelo Dr. Luís Soares.

Sabemos que agora vai ser um tema que por esta exposição pública terá mais visibilidade, mas para o Partido Socialista este assunto já está em cima da mesa desde 2016, e preocupante, ainda antes das apresentações públicas do projeto, no tempo em que para outros o projeto era esplêndido.

Na minha opinião há três situações que precisam de atenção: a Alameda Rosas Guimarães, o centro e o largo das Termas. Mas há situações que necessitam de intervenção mais rápida do que outras.

Baseio esta minha opinião no facto de neste assunto não partirmos da estaca zero. E não partimos da estaca zero pois para a zona mais central da Vila temos já como bolsa de estacionamento o recinto da feira semanal, que mesmo a prática nos diz, exceto à Segunda-Feira é já um apoio importante no que a estacionamento diz respeito. Não sendo uma solução que resolva todos os problemas é de grande utilidade.

O recinto da feira semanal só não é ainda um apoio efetivo ao comércio local pelo facto de a partir de certas horas as pessoas terem receio de lá deixar os seus carros devido à falta de iluminação pública.

Já foi proposta também uma solução pelo Partido Socialista à Junta de Freguesia, que a encaminhou para a Câmara Municipal tendo sido aprovada, faltando agora a sua execução. Esta solução propõe a duplicação de luminárias, com um foco virado para a feira, em todos os postes desde a entrada superior até à rotunda da Rua Padre Silva Gonçalves, o que iluminará uma parte da feira junto à estrada e ainda a colocação de novas luminárias no parque de estacionamento já existente na parte superior continuando junto a toda a fachada traseira do prédio da Rua Nova dos Bombeiros.

Além disto a prática diz-nos também que o recinto da feira semanal é muito usado pela população como atravessamento entre os edifícios de habitação existentes na Rua 25 de Abril e as zonas comerciais e de lazer do centro da Vila.

Penso que com esta solução o recinto da feira semanal será uma bolsa de estacionamento válida e funcional de apoio ao comércio local e trará a comodidade no seu atravessamento.

Aguardemos que a Câmara Municipal seja sensível aos argumentos apresentados e possa resolver este problema com a maior celeridade possível.

Desejo a TODOS um feliz 2021!!!