POLÍTICA   “Óscares 2008”
Terça-feira, Janeiro 6, 2009

Neste final de ano, e a exemplo dos transactos, faço o balanço daquilo que de mais positivo e importante marcou a nossa vila em 2008. Trata-se, repito, de uma análise pessoal e subjectiva e, como tal, imperfeita. Por isso, terão de me ser relevados alguns esquecimentos ou injustiças cometidas. Depois de no ano anterior ter escolhido a ACIT, o ANTÓNIO LIMA PEREIRA, o BLOG “O POLVO DAS TAIPAS”, os BOMBEIROS PARTEIROS, a COMISSÃO ADMINISTRATIVA DO C. C. TAIPAS e o JORNAL “TRIGAL”, para este ano os meus “Óscares” vão para:

ACIT – Novamente! De facto, era impossível não repetir a ACIT. Desta feita, não para realçar as inúmeras iniciativas que têm levado a cabo e que têm desempenhado um papel importante na promoção e divulgação do comércio e indústria locais, mas sim por ter visto aprovada a sua candidatura ao MODCOM (Sistema de Incentivos e Projectos de Modernização do Comércio), criado com o objectivo de estimular a dinamização e modernização do comércio local, com uma comparticipação monetária de 27.716,00 €, que corresponderá a uma fatia 60% do valor total do projecto apresentado pela ACIT.

AVEPARK – Foi oficialmente inaugurado este ano o Parque de Ciência e Tecnologia – Avepark. Na altura tive a oportunidade de, nestas colunas, dar os parabéns à Universidade do Minho, à Câmara Municipal de Guimarães, ao Parque de Ciência e Tecnologia do Porto e ao Sr. Eng.º Carlos Remísio, homem sem o qual este projecto, certamente, não seria o que é hoje.

BARCO ROCK FEST – Definitivamente, este festival musical parece ter atingido a sua afirmação e dimensão no calendário de festivais de Verão em Portugal (ao invés do desaparecido Rock in Taipas). O cartaz apresentado foi arrojado e o público compareceu em número que superaram as melhores expectativas. Impressionou-me, ainda, o facto de na semana do festival ter lido, nos jornais diários e semanários de referência em Portugal, inúmeros destaques ao evento.

CÉSAR PEIXOTO – César Peixoto, jogador de futebol que passou pelo C. C. Taipas, actualmente ao serviço do S. C. Braga, realizou, este ano, a sua primeira internacionalização “A”, num jogo de má memória para a selecção das quinas que saiu derrotada por 6-2 frente ao Brasil. O jogador “taipense” (espero que não me leve a mal o atrevimento) entrou na partida aos oitenta e quatro minutos de jogo e fica assim para a história do futebol português.

CLUBE CAÇADORES DAS TAIPAS – Ainda não foi em 2008 que o C. C. Taipas voltou aos “Nacionais”. Mas merece na mesma destaque, pois venceu a Taça da A. F. de Braga, um dos títulos mais prestigiados e ambicionados na região. Na final, realizada no bonito estádio D. Afonso Henriques, e aonde acorreram muitos taipenses, venceu o Esposende por expressivos e inquestionáveis 4-0.

RICARDO COSTA – Sem dúvida nenhuma, a figura política local do ano. A coragem demonstrada por este jovem bancário para avançar com uma candidatura à Junta de Freguesia – vinda de alguém que não precisa da política para nada -, aliada à força, à pujança que tem demonstrado (e que muito tem surpreendido os taipenses), ao amor e apego à vila são qualidades que têm sido mostradas e demonstradas. A minha aposta é clara: este será o nosso próximo presidente da Junta; as Taipas merecem-no e precisam dele!

E para o ano talvez haja mais…