Visitas a doentes no Hospital Senhora da Oliveira com novas regras em 2016
Segunda-feira, Dezembro 28, 2015

A administração do hospital de Guimarães terá em vigor um novo regulamento para acompanhantes e visitas aos doentes internados. Doentes poderão indicar acompanhante.

O Hospital Senhora da Oliveira passará a ter novas regras para acompanhantes e visitas de doentes internados naquela unidades hospitalar em Guimarães. O novo regulamento de visitas entrará em vigor no dia 4 de Janeiro de 2016 e visa ajustar os horários tanto às necessidades dos familiares, como às rotinas dos serviços hospitalares.

Os doentes internados no Hospital Senhora da Oliveira poderão ser acompanhados durante o dia por um familiar ou por uma “pessoa significativa”, ou seja, alguém que tenha um papel activo no acompanhamento do doente nos cuidados de internamento, na sua preparação para a saída do hospital, depois de receber alta, e que o acompanhe nos cuidados continuados. O acompanhante deverá ser indicado pelo próprio doente e poderá permanecer junto deste desde as 11 até às 20.30 horas.

O novo regulamento prevê um período do dia em que o doente poderá receber visitas, entre as 16 e as 20 horas. As visitas terão um cartão magnético próprio, diferente do dos acompanhantes. De acordo com o comunicado emitido pelo Hospital Senhora da Oliveira, este novo regulamento faz parte do processo de humanização dos cuidados de saúde, de que faz parte a componente assistencial dos doentes.

A partir do próximo dia 4 de Janeiro apenas será permitida a presença de duas pessoas por cama no hospital de Guimarães, havendo um conjunto de recomendações que os visitantes deverão observar, nomeadamente o tempo de visita, que não deverá ultrapassar os 30 minutos.

Estão previstas situações em que um doente poderá ter acompanhamento permanente, durante 24 horas. São os casos de crianças até aos 18 anos, pessoas com elevado grau de dependência ou de deficiência, pessoas com doenças incuráveis ou em estado terminal.

O regulamento determina a proibição de entrada de crianças até aos 10 anos, na qualidade de visitante, excepto se o doente internado a visitar seja pai, mãe, irmão/irmã. No serviço de obstetrícia, as crianças com menos de 10 anos podem fazer visitas aos ser irmãos recém nascidos.

As visitas hospitalares são consideradas um direito dos doentes e vão encontro do que se considera ser a humanização dos serviços de saúde. Os doentes internados têm o direito de receber visitas, mas também de as recusar.

Os visitantes de utentes do Hospital Senhora da Oliveira deverão dirigir-se ao Serviço de Relações Públicas, no átrio da entrada principal do hospital, onde se deverão identificar e indicar o nome da pessoa a visitar e o serviço em que está internado. O cartões de visita e de acompanhante são entregues mediante o depósito de uma caução de 5 euros, que é devolvido aquando da entrega dos cartões, antes da saída das instalações. Este processo é o mesmo que tem sido adoptado nas vistas ao hospital nos últimos anos.