PUB
Taipas Turitermas formaliza financiamento da obra dos Banhos Novos
Terça-feira, Maio 5, 2015

O contrato para o financiamento da obra de renovação do balneário termal – edifício designado como Banhos Novos, foi formalizado quinta-feira, 30 de Abril, entre Ricardo Costa e Emídio Gomes, na sede da CCDR-N, no Porto.

A Cooperativa Taipas Turitermas e a Comissão de Coordenação e Desenvolvimento do Norte, que gere os fundos europeus do Programa Operacional Regional do Norte (ON2), assinaram o contrato que garante a comparticipação da execução obra através dos fundos da União Europeia.

A obra que se encontra já num estado avançado, iniciou-se em Junho do ano passado e representa um investimento que ultrapassa os três milhões de euros, sendo que a comparticipação europeia rondará os 1,3 milhões de euros. A Taipas Turitermas conseguiu a sua parte do financiamento através do Programa Jessica – um canal de financiamento com condições especiais.

Esta comparticipação foi conseguida através do Eixo Prioritário II do ON2, direcionado para a valorização económica de recursos específicos. O caderno de encargos da intervenção inclui, além da requalificação do balneário termal (em funcionamento desde 1907), a construção de uma unidade de medicina física e reabilitação (fisioterapia).

O presidente da Direcção da Cooperativa, Ricardo Costa, acredita que a estratégia de revitalização da estância termal das Caldas das Taipas “terá um impacto enorme na vida das pessoas”. Ricardo Costa está confiante no retorno que o trabalho que está a ser feito trará para a população: “estas intervenções permitirão criar novos empregos e atrair mais visitantes e turistas”.

Ricardo Costa, que preside à Direcção da Cooperativa Taipas Turitermas desde 2010, é também vereador com a pasta financeira da Câmara Municipal de Guimarães desde 2013. No passado dia 29 de Abril foi eleito vogal da Direcção da Associação das Termas de Portugal.