PUB
Regresso às aulas
Terça-feira, Setembro 13, 2011

Estamos a pouco tempo do início de um novo ano escolar. Durante este período a família regressa aos horários de trabalho e à vida atarefada que caracteriza o nosso dia-a-dia, no entanto não se poderão esquecer de alguns cuidados:

 

Que mochila escolher?

As crianças não devem transportar mais do que 10% do seu peso na sua mochila quando está cheia. De preferência deverá ter rodas para que o seu transporte seja mais fácil. O transporte correcto é com a mochila à frente, como se fosse um carrinho de compras de maneira a evitar rotação da coluna e posições pouco adequadas do ombro que podem dar problemas no futuro.

 

Alimentação saudável

Uma das principais preocupações dos pais deveria ser o cumprimento de uma alimentação saudável e equilibrada. A obesidade é a nova pandemia do século XXI e atinge 20% da população de todo o mundo. É avaliada pela a relação do peso com a altura (índice de massa corporal), que neste casos está aumentada. Actualmente 30% das crianças em Portugal têm excesso de peso e 10% são obesas, com uma estimativa de mais 400.000 crianças por ano. No futuro poderão vir a desenvolver diabetes, tensão arterial elevada, problemas nos ossos, articulações, fígado e a nível psicológico. Por isso é importante uma vida com hábitos saudáveis:

– 5 refeições por dia (de 3 em 3 horas), não esquecendo o pequeno-almoço, a refeição mais importante do dia, e os lanches a meio da manhã e à tarde (pão ou bolacha Maria® ou bolacha de água e sal, leite ou iogurte, peça de fruta);

– ingestão de sopa e de legumes nas principais refeições (almoço e jantar).

 

Tempos livres

O exercício físico faz parte de uma vida saudável e deverá ocupar entre 20 a 60 minutos por dia.

Os tempos livres devem ser preenchidos com o estudo, mas também com actividades extra-curriculares (ATL, ginásio, dança, saltar à corda, futebol, etc). Desta forma a criança contacta com outras crianças, aumenta o seu circulo de amigos e tem uma actividade física.

 

Respeitar horas de sono

Já os mais antigos diziam “Deitar cedo e cedo erguer, dá saúde e faz crescer”. O horário de deitar deverá ser respeitado. Uma criança necessita de 9-14 horas de sono, que varia com a idade: “Uma criança de 10 anos precisa dormir 10 horas, uma criança de seis anos precisa dormir cerca de 11, 12 horas, uma criança de quatro ou cinco anos precisa dormir 12, 13 ou até 14 horas. E os adolescentes precisam de dormir 9 horas” – Drª Teresa Paiva – Neurologista especialista em doenças do sono. O não cumprimento deste horário pode trazer complicações: obesidade, hipertensão, depressão, diabetes, insónias, entre outros.

 

Estes são alguns conselhos e bons hábitos que a família deverá adoptar, de forma a melhorar o seu funcionamento e a prestação de cada membro nas suas tarefas.

Bom início de aulas,