PUB
Projecto Bosques do Centenário quer criar “monumentos vivos”
Sexta-feira, Outubro 22, 2010

A ideia base deste projecto, inserido no programa das comemorações do Centenário da República, será plantar bosques de espécies autóctones em todos os concelhos do país.

Como mais uma forma de assinalar o centenário da República Portuguesa, uma série de instituições envolveram-se no desenvolvimento do projecto Bosques do Centenário, de onde a ideia base é criar novos bosques de cem árvores de espécies autóctones, como o castanheiro, em cada município português.

Este é, segundo os responsáveis pelo desenvolvimento do projecto, uma forma original de celebrar os 100 anos da República e uma forma de transformar esses bosques em “monumentos”. Uma das entidades envolvidas é a Plataforma Limpar Portugal que no início do ano foi responsável pela dinamização de uma operação de limpeza de matas a nível nacional.

Nesta fase do projecto, procura-se a mobilização de voluntários para participar nesta iniciativa, sendo que o desafio é lançado não só a particulares mas igualmente a instituições como autarquias ou associações para que também participem e que contribuam para alcançar o objectivo dos 308 bosques.

Além da Limpar Portugal, estão igualmente envolvidas no projecto a Comissão Nacional para as Comemorações do Centenário da República (CNCCR), a QUERCUS – Associação Nacional de Conservação da Natureza, a Associação Nacional de Municípios Portugueses (ANMP) e a Autoridade Florestal Nacional (AFN)

Mais informações:
Centenário da República – Bosques do Centenário

Texto: Paulo Dumas