PUB
Programa de Despoluição da Bacia Hidrográfica do Ave sofre novo impulso.
Segunda-feira, Maio 9, 2011

A Águas do Noroeste inaugurou no passado sábado, 7 de Maio, nove Estações de Tratamento de Águas Residuais, num investimento total na ordem dos 182 milhões de euros.

A cerimónia, realizada pelas 10.30 horas, na Estação de Tratamento de Águas Residuais (ETAR) de Lordelo e que foi presidida pela Ministra do Ambiente e do Ordenamento do Território, Dulce Pássaro, contou com a presença dos autarcas dos municípios abrangidos pelo Programa de Despoluição da Bacia Hidrográfica do Ave.

Os novos sistemas de saneamento inaugurados representam um investimento total de 182 milhões de euros, cofinanciado pelo Fundo de Coesão da União Europeia, e abrangem os municípios de Vieira do Minho, Póvoa de Lanhoso (ETAR de Campo/ Santo Emilião), Fafe, Felgueiras, Lousada, Guimarães (ETAR de Serzedo e de Serzedelo II), Santo Tirso (ETAR de Rabada e de Água Longa), Vila Nova de Famalicão (ETAR de Penices e de Agra II) e Trofa.

O funcionamento destas novas infra-estruturas , têm como objectivo a melhoria da qualidade das águas da região, fortemente lesada pela concentração de tinturarias e de outras indústrias poluentes que ao longo dos anos se foram instalando um pouco por toda a região do Vale do Ave. É pretensão da entidade gestora do Sistema Multimunicipal, devolver aos habitantes desta região uma água de qualidade e, consequentemente, um Rio Ave sadio e límpido.