Presidência Austríaca deverá decidir Estratégia Europeia de Emprego
Sexta-feira, Janeiro 13, 2006

Na presidência da União Europeia, a Áustria deverá em seis meses decidir sobre a Estratégia Europeia de Emprego, numa altura em os índices de emprego na União Europeia atingem níveis preocupantes.

A Áustria assumiu, após o Reino Unido, a presidência do Conselho Europeu a 1 de Janeiro, definindo como principais prioridades a aprovação pelo Parlamento Europeu das Perspectivas Financeiras para o período 2007-2013, discutidas pelos governos dos Estados-Membros em Dezembro de 2005.

Para além dessa importante tarefa, a Áustria terá um papel decisivo na definição da Estratégia Europeia para o Emprego e Crescimento, um dos pilares essenciais no sentido de contribuir para que a União Europeia se torne na economia líder mundial em termos de “economia do conhecimento” – um dos objectivos da Estratégia de Lisboa.

A Estratégia Europeia para o Emprego e Crescimento deverá incluir, para além de medidas que visam o obter um maior crescimento económico da UE, outras relacionadas com a cooperação internacional – aspecto importante em negociações internacionais como as da Organização Mundial de Comércio.

No final da presidência Austríaca deverão também ser conhecidos os desenvolvimentos relativos ao futuro da Europa, nomeadamente, do processo da Constituição Europeia, após os chumbos em referendo na França e da Holanda – dois dos países fundadores da actual União Europeia.

PUB

Artigos Relacionados