PUB
Pequenas obras…grandes obras
Terça-feira, Abril 21, 2009

Tendo tido conhecimento que o Ministério da Educação irá em breve iniciar a obra de requalificação da escola secundária das Taipas, resolvi deslocar-me ao local para ficar com uma última imagem da mesma.
Percorri a rua do Professor Manuel José Pereira, num passo lento, desde o cruzamento com a Rua de St.º António ao Posto de Saúde. Parei em frente ao portão de acesso à escola e olhei à esquerda e à direita. Avistei os edifícios, construídos nos idos anos 80, implantados ao longo da rua, e ao fundo, junto ao posto de saúde, duas gruas assinalavam duas novas construções. Reparei, ainda, na forte actividade comercial existente nos pisos térreos, lojas, cafés restaurantes, esplanadas, alguns serviços, e pensei… eis aqui uma rua com uma componente urbana significativa e diversificada.

Nas minhas costas a escola e ao longe, à minha esquerda, o posto de saúde. As esplanadas estavam compostas, o movimento de entrada e saída da escola era cadenciado, os automóveis circulavam com velocidades moderadas, duas pessoas compravam jornais no quiosque… gostei da escala e da vivência.

Iniciei novo percurso, atravessando a rua, e dirigindo-me na direcção da rua de St.º António. Olhei para cima para percepcionar as cérceas dos edifícios, e reparei de imediato no estado de degradação das fachadas de alguns. Os condóminos não se entendem… pensei. De repente, quase fui contra o quiosque que, entretanto, se tinha atravessado à minha frente. Aproveitei e comprei um SG ventil. Acendi um cigarro e preparei-me para voltar a caminhar.

Reparei numa viela de acesso à traseira dos prédios e meti-me ao caminho, agora num passo mais apressado, curioso por descobrir onde iria ligar. Ao longo da viela cruzei um campo sem qualquer tratamento urbano e pensei… belo espaço para integrar, do ponto de vista urbano, as traseiras dos edifícios da rua Professor Manuel José Pereira com as da rua de St.º António… pois já adivinhava onde o percurso me iria levar. Os jovens devem usar bastante este percurso na ida para a escola…

Voltei para trás. Virei à direita na Professor Manuel José Pereira. Fiz o percurso, desta vez olhando para baixo. Um pouco à frente desviei-me dos sacos do lixo que ocupavam o passeio. Reparei no mau estado dos mesmos e do acabamento do arruamento. Os passeios não estão alinhados, os perfis transversais não são constantes.

A rua não teve tratamento urbanístico… é pena. Não se adivinha desenho urbano nos espaços públicos. Atravessei a rua e parei em frente à entrada da escola. Imaginei-a já requalificada. Olhei em volta e pensei: não seria a altura de executar um plano de pormenor da rua do Professor Manuel José Pereira e do percurso pedestre que liga à rua Stº António?

Não seria uma ocasião especial se no dia da abertura da escola já requalificada, os espaços públicos, que agora percorri, também o estivessem?

Requalificar uma rua não será uma grande obra, mas poderá ser um início.

26