PUB
O tema volta a ribalta. Mesquita Machado não diz muito “para não vir a ser acusado de ter prejudicado todo o processo”
Sexta-feira, Junho 23, 2006

Andavam calmo e apagado, o dossier relacionado com a instalação do Centro Ibérico de Investigação e Deesenvolvimento. Mas o Jornal de Notícias desta sexta-feira volta a agitar as águas. Isto porque a Coligação “Juntos por Braga” tem falado no assunto, nomeadamente na hipótese da sua instalação no Parque de Exposições de Braga. Ora o PSD […]

Andavam calmo e apagado, o dossier relacionado com a instalação do Centro Ibérico de Investigação e Deesenvolvimento.

Mas o Jornal de Notícias desta sexta-feira volta a agitar as águas. Isto porque a Coligação “Juntos por Braga” tem falado no assunto, nomeadamente na hipótese da sua instalação no Parque de Exposições de Braga.

Ora o PSD veio a terreiro manifestar-se contra essa possibilidade, já que não o considera o local certo e porque há outros planos para aquela zona.

Logo a seguir veio Mesquita Machado criticar os vereadores, dizendo ao JN que “é uma irresponsabilidade vereadores da câmara de Braga andaram a falar da localização do Instituto Ibérico, nesta altura do processo. Qualquer declaração sobre isso pode ser prejudicial!”

Mesquita acrescentou que há “três possíveis soluções para a instalação do Instituto Ibérico”, mas que mais não adiantaria, “para não vir a ser acusado de ter prejudicado todo o processo”.

No meio disto tudo, o que importa lembrar é que o AvePark, nas Taipas, tem possibilidades de acolher o Instituto Ibérico. E é a isso que o presidente da autarquia de Braga se refere quando fala em “prejudicar todo o processo”, uma vez que tem esperanças que o Instituto fique no concelho de Braga.

O tema, que já fez correr muita tinta, pode ser revisto em vários artigos publicados no ReflexoDigital. Faça uma pesquisa com “Instituto Ibérico”.

Artigos Relacionados