PUB
Obra no cemitério embargada em S. Lourenço de Sande
Terça-feira, Outubro 6, 2009

As obras de ampliação do cemitério da freguesia de S. Lourenço de Sande encontram-se paradas por ordem do Tribunal Administrativo de Braga.

Na base desta decisão está uma Providencia Cautelar interposta pelo proprietário do terreno onde se desenrolaram as referidas obras de alargamento. Ao que apuramos, o motivo que o terá levado a proceder desta forma foi o alegado incumprimento, por parte da Junta de Freguesia local, de parte do acordo celebrado para a cedência do referido terreno.

António Macedo, presidente da Junta local, lamenta o sucedido e relaciona este acontecimento com o período eleitoral que está em curso. O presidente da junta local referiu mesmo que, o acordo feito com o proprietário continua em pé e que só não havia ainda sido cumprido porque a obra não estava terminada. António Macedo deu ainda conta que a Junta de freguesia local já recorreu da decisão e que vão fazer tudo para que a freguesia não saia prejudicada desta situação.

Texto: Manuel António Silva

Artigos Relacionados