PUB
O Pensamento é real o Sonho é imaginação
Terça-feira, Fevereiro 9, 2010

A capacidade de pensar desperta em nós dúvidas e questões que o sonho nunca despertará.

Enquanto dormimos aceitámos os sonhos como verdades absolutas, não questionámos, não percebemos a sua lógica e nunca desconfiámos da mentira. E porquê? Porque estamos em estado de imaginação.

Caldas das Taipas, no momento actual, vive em estado de imaginação. Os políticos, que definem o desenvolvimento da freguesia, através da Junta, ocultam as verdades, não têm transparência, não têm rigor e o pior de tudo, não definem uma missão clara para o desenvolvimento das Taipas. Os taipenses merecem saber a verdade!

Ocultam as verdades, como ficou claramente demonstrado, durante as eleições últimas, quando disseram aos Taipenses que o Lar de Idosos tinha sido chumbado. Uns dias depois a Segurança Social veio provar o contrário. O Lar foi aprovado. Os taipenses merecem saber a verdade!

Não têm transparência, quando disseram que não disponibilizavam a cópia do contrato da Pensão Vilas, sem um parecer jurídico. O Presidente da Junta, em entrevista ao jornal Reflexo, disse que tinha medo que fosse usado durante as eleições. Mas afinal de que temia o Candidato do PSD e actual Presidente da Junta? Temia que os Taipenses soubessem que a Junta está a pagar 3.000 € por mês por um edifício em ruínas? E que já pagou, até à presente data, 18.000 € e nenhum taipense usufrui daquele bem? Os taipenses merecem saber a verdade!

Não têm rigor, pois o orçamento para 2010, apresentado na última Assembleia de Freguesia, não contemplava a verba para pagar o arrendamento do edifício da Pensão Vilas. Mais uma vez esta junta comete ilegalidades. O custo existe e existirá e mesmo assim a Junta não o contemplou no orçamento. Os taipenses merecem saber a verdade!

A Aprovação do orçamento para 2010, por parte do PSD, foi ilegal, este orçamento não reflectia todos os custos que a freguesia vai ter durante este ano. Obrigação exigida pela lei do financiamento das autarquias locais. Os taipenses merecem saber a verdade!

Os taipenses não podem continuar aceitar todas estas trapalhadas como se vivessem em estado constante de imaginação. Temos que questionar e zelar pelo futuro da nossa Vila.

Não podemos continuar a viver em estado de sonho constante. Precisamos de questionar, pois só assim, é que podemos duvidar, caso contrário, iremos continuar a viver do sonho, isto é, aceitar as coisas conforme elas são, independentemente da sua verdade.

A capacidade de pensar, de cada um de nós, tem de ser manifestada em atitudes de responsabilidade e de verdade. Não podemos deixar o futuro das taipas entregue a quem constantemente oculta a verdade.

“A verdade deve vencer, não importa quem saia derrotado”

Muito obrigado e viva Caldas das Taipas!