PUB
Nobel da Paz, Ximenes Belo presidirá à peregrinação à Penha no próximo Domingo
Sexta-feira, Setembro 11, 2015

A 122.ª peregrinação à Penha será presidida pelo Bispo Emérito de Dili, em Timor-Leste. D. Ximenes Belo proferirá uma conferência na Sociedade Martins Sarmento, no sábado, pelas 18 horas.

O Nobel da Paz D. Ximenes Belo irá presidir à anual peregrinação à Penha, que decorrerá no próximo domingo, 13 de Setembro. As celebrações litúrgicas deste ano terão como principal motivo a crise migratória, os refugiados de guerra e o respeito pelos direitos humanos.

O Bispo Emérito de Dili, em Timor será recebido pelas 17 horas, de sábado 12, na Câmara Municipal de Guimarães. No mesmo dia, pelas 18 horas, uma conferência sobre A Paz e Os Direitos Humanos, na Sociedade Martins Sarmento.

Às 21.30 horas D. Ximenes Belo presidirá à procissão de velas, que levará a imagem de Nossa Senhora do Carmo da Penha, da Basílica de S. Pedro, no Toural – onde se encontra a imagem desde o passado domingo, 6 de Setembro, até à Igreja da Colegiada de Nossa Senhora da Oliveira.

Para Roriz Mendes, o juíz da Irmandade da Penha, a presença de D. Ximenes Belo assinala “mais um marco histórico para a Penha”. Roriz Mendes manifestou ainda a “grande honra e satisfação” por o Nobel da Paz ter aceitado o convite.

As cerimónia religiosas de Domingo, 13 de Setembro, começarão às 8 horas, com a saída do andor com a imagem de Nossa Senhora do Carmo da Penha da Igreja da Oliveira. A concentração e bênção dos fiéis peregrinos será junto da Igreja dos Santos Passos. A chegada da procissão está prevista para as 11.30 horas.

D. Carlos Ximenes Belo, 67 anos, foi laureado com o Prémio Nobel da Paz em 1996, juntamente com José Ramos Horta, pelo seu trabalho na procura de uma solução pacífica que veio a determinar a independência de Timor-Leste, em 2002, após a ocupação do território pela Indonésia.