PUB
Mil idosos foram acompanhados durante este primeiro ano do Programa “Guimarães 65+”
Sexta-feira, Outubro 3, 2014

No seu primeiro ano de atividade, devido ao Programa “Guimarães 65+”, foi possível sinalizar 1.193 idosos e efetuar 809 visitas sociais. O objetivo é prevenir o isolamento dos idosos do concelho, e assim promover o bem-estar e segurança dos mesmos.

Para que este programa tenha bons resultados, estão protocolados 64 serviços, o acompanhamento é feito por 37 gestores sociais, e para facilitar a comunicação entre gestor social, idoso e familiares já foram fornecidos 215 telemóveis. Estes telemóveis também permitirão uma maior proximidade com as entidades com quem já foram estabelecidos protocolos na área social, saúde e segurança como por exemplo a polícia e bombeiros.

Segundo os Censos 2011, em Guimarães existem 21.647 pessoas com idade igual ou superior a 65 anos, 6.695 residem sós ou com pessoas do mesmo nível etário e 2.995 vivem em situação de isolamento. O perfil do idoso que beneficia do Programa “Guimarães 65+” tem entre 75 e 85 anos (33,87%), pertence ao sexo feminino (68,97%), não frequenta nenhuma atividade social (64,77%), não tem escolaridade ou tem escolaridade até ao 1º ciclo (44,13%) e vive com outra pessoa (48,58%) ou é casado (43,51%).

“Guimarães 65+” é um projeto da Câmara Municipal de Guimarães que conta com a cooperação de mais de 40 instituições. Teve inicio em Julho de 2013 e é objetivo dos seus promotores que continuar a crescer. Aumentar o número de gestores sociais, diminuir a mobilidade dos mesmos, e integrar este projeto como atividade de relevo nos planos de ação dos parceiros são alguns dos desafios deste projeto.