PUB
Ligação ao Avepark vai avançar
Quarta-feira, Outubro 18, 2006

O anúncio foi feito por António Magalhães, presidente da Câmara Municipal de Guimarães, no passado Sábado (14 de Outubro) aquando da realização de um encontro informal, realizado nas Taipas, com os elementos da lista do PS concorrente ás últimas eleições autárquicas à freguesia de Caldelas.
(2 comentário)

Neste encontro com o Secretariado do Partido Socialista de Guimarães marcaram ainda presença o deputado da Assembleia da República Miguel Laranjeiro e Miguel Alves, Adjunto do Ministro da Administração Interna.

Em nota à imprensa, emitida pela lista do PS candidata, nas últimas eleições autárquicas, à freguesia de Caldelas, é referido que António Magalhães aproveitou para anunciar “que a maior obra de investimento no concelho será levada a cabo nesta região, com a construção da ligação da via rápida ao Avepark, obra que avançará dentro de muito pouco tempo e orçamentada em cerca de 1.250.000,00 €, verba que, nas palavras do presidente da Câmara, «seria para ser utilizada na construção da ligação Azurém – Fermentões e que constitui o maior investimento camarário nos próximos tempos»”

No decurso deste encontro, após serem sinalizados os principais problemas e prioridades para a freguesia, foram efectuadas visitas às instalações da Taipas-Turitermas, Centro Social Padre Manuel Joaquim de Sousa e às obras do Centro Paroquial. Dos diversos temas debatidos, “foi dado grande destaque ao Avepark, que constitui uma prioridade para o executivo camarário, e que poderá trazer grande dinamismo económico e social para a vila das Taipas, pois serão criados, inicialmente, cerca de 200 postos de trabalho, essencialmente compostos por investigadores e universitários”, pode ainda ler-se na referida nota à imprensa.

Texto: Manuel António Silva

________________________________

COMENTÁRIOS A ESTA NOTÍCIA
Já não era sem tempo algum investimento significativo cá para estas bandas! O que me parece é que esta obra tem mesmo que se realizar, pois, assim, obriga os contemplativos para tão importante que é a construção do AVEPARK DAS TAIPAS.
Estranho esta visita do senhor professor António Magalhães às instalações das Taipas-Turitermas, cooperativa maioritária vimaranense; ao Centro Social Padre Manuel Joaquim de Sousa, organização e não instituição como por aí se diz, que se saiba, de cunho particular; às obras do Centro Paroquial, de carácter religioso. Não há conhecimento de qualquer visita a outra obra de interesse público comum, como os exemplos: passear pelos passeios esburacados da nossa Vila; dos locais “pontos negros” e do trânsito rodoviário, caótico em hora de ponta, tais como na zona das escolas, principalmente a Secundária e a EB 2,3; o cruzamento do Alvite, entre muitos outros. E, por que não visitar as mais vergonhosas rotundas do Minho ao nível de embelezamento e de jardinagem? Verificar os semáforos no centro da Vila que só servem para aumentar a poluição com a sujeição da paragem dos automóveis, sem qualquer necessidade, afugentando a clientela do comércio e serviços do centro das Taipas? E, por que não aproveitar enquanto não há cheias no Rio, dar uma volta de “barqueta”, e aperceber-se dos focos de poluição a céu aberto a drenar sem limites para o Rio? Sinalizar os principais problemas pode não chegar! É preciso ver para crer! É claro são sessenta e nove e nunca haverá tempo para tudo e para todas (freguesias), nem dinheiro! Nem dinheiro, pois ele é quase todo investido na cidade!
Agora pergunto: este encontro informal, do anúncio da construção da ligação da via rápida ao AVEPARK não seria racional estarem presentes os representantes do povo taipense, por estes eleitos, Junta de Freguesia?
Ângelo Freitas  2006-10-19  01:48h.

Sr. Ângelo Freitas já era tempo do Sr. FAZER ALGUMA COISA ÚTIL PELA NOSSA SOCIEDADE TAIPENSE ao invés de apenas criticar. Infelizmente o sr. é daqueles que critica tudo o que se faz a bem da nossa terra. Pare um bocado olhe para si mesmo. Já alguma vez fez um acto de solidariedade. Não, claro que não. Há já me esquecia e Taipas a concelho é para quando?…. Acorde Sr. e seja um pouco mais coerente e a favor das causas realistas, e deixe o impensável para um futuro mais próspero…..
João Silva 2006-10-20 22h33

Artigos Relacionados