José Bravo com bons resultados
Quarta-feira, Setembro 7, 2005

Disputou-se no último fim-de-semana de Agosto, nas famosas curvas de Murça, a sexta jornada do Campeonato Nacional de Montanha 2005 que contou com a presença de 27 pilotos entre eles o Taipense José Bravo.

Num Domingo marcado por um calor intenso, a prova do Clube Automóvel de Vila Real começou praticamente com uma interrupção de cerca de 37 minutos devido ao acidente do piloto Paulo Ramalho com a sua barqueta ADR Sport II na primeira subida de treinos.
José Bravo realizou o seu melhor tempo de treinos apenas na segunda subida quando os pneus começaram a atingir uma temperatura ideal que lhe iria permitir, na primeira subida de prova, melhorar o seu recorde pessoal neste traçado em cerca de 2 segundo ao efectuar 2’47”657. Na segunda subida da prova, com o aumentar da temperatura, os tempos pioraram em geral, não sendo o piloto do Renault Clio excepção, ao realizar 2’48”384. Com as temperaturas cada vez mais altas, o asfalto tornava-se cada vez mais escorregadio e assim, a terceira subida de prova, foi apenas para cumprir calendário com praticamente toda a gente a piorar os seus tempos.
A soma das suas duas melhores subidas de prova deram a José Bravo o tempo de 5’36”041 que se traduziu no 7º lugar da categoria 1 e na segunda posição do grupo N, voltando a impor-se na classe 2.
Como resultado da sua regularidade o piloto das Caldas das Taipas encontra-se neste momento classificado no 5ºlugar geral da categoria 1 do Campeonato Nacional de Montanha 2005.
A próxima prova do campeonato será realizada nos dias 23 e 24 de Setembro, e terá como palco o monte da Senhora da Graça em Mondim de Basto com a organização da Secção de desportos motorizados do Futebol Clube do Porto.

Artigos Relacionados