PUB
IDITE-Minho desenvolve software para empresas gerirem consumo de energia
Sexta-feira, Fevereiro 15, 2008

O Instituto de Desenvolvimento e Inovação Tecnológica do Minho (IDITE-Minho) desenvolveu e irá lançar no mercado soluções informáticas de gestão de energia destinado às empresas.

Tornar as empresas mais eficientes e optimizar o consumo de energia. Com base nestes dois pressupostos, o IDITE – Minho desenvolveu software de gestão de energia que irá lançar em breve no mercado. Trata-se da aplicação informática – P2E e do sistema Mining Thermal Energy (MTE).

As empresas passam a ter ao seu dispor duas ferramentas que lhes permitirá gerir o consumo de energia e, assim, aumentar a eficiência energética e a competitividade.

Segundo nota dirigida à imprensa, “Estes projectos surgem no âmbito do trabalho que o instituto tem vindo a realizar nas áreas da Energia, Ambiente e Tecnologias de Informação, Comunicação e Electrónica, através do cruzamento de interesses e valências técnicas de que dispõe nestes domínios.
Contribuir directamente para o aumento da eficiência energética e para o incremento da competitividade das organizações é o objectivo das novas ferramentas, que, neste momento, estão já a ser validadas em empresas de diferentes sectores de actividade económica. Em termos práticos, e em função dos resultados até agora obtidos, com a implementação destas ferramentas, as empresas podem economizar até 30 por cento do consumo total de energia”.

No site do IDITE – Minho, em www.idite-minho.pt, as empresas podem aceder, gratuitamente, a uma das três ferramentas que compõem a aplicação P2E, um programa informático que permite às empresas uma melhoria da eficiência energética. É-lhes disponibilizado um pequeno questionário de avaliação da gestão adequada de energia. A ideia é sensibilizar as empresas para os factores organizativos e operacionais mais relevantes.

O programa MTE é uma ferramenta mais específica. Trata-se de um mecanismo de suporte à tomada de decisão para a gestão de sistemas de energia, distribuição e implementação de novos equipamentos e energias renováveis em sistemas energéticos já existentes. Este sistema é composto por dois módulos. O primeiro faz a recolha das características funcionais e operacionais da empresa, com a inserção de toda a informação. Depois, o sistema de análise e suporte à tomada de decisão irá fazer o levantamento energético. Esta aplicação tem, assim, como objectivo a análise dos padrões de comportamento energético das empresas, auxiliando-as na racionalização e optimização dos consumos energéticos.

Texto: Manuel António Silva

Artigos Relacionados