PUB
ICVS/3B´s avaliado em “Excelente” pela Fundação para a Ciência e Tecnologia (FCT)
Terça-feira, Dezembro 23, 2014

Foram divulgados, no dia 22 de dezembro, os resultados da avaliação dos 322 centros de investigação candidatos a financiamento por parte do estado. O centro de investigação localizado no Avepark foi contemplado com uma verba a rondar os 900 mil euros/ano

No total do país, 11 centros foram classificados como “excecionais” e 52 como “excelentes”. A nível distrital, o I3N (Instituto de Nanoestruturas, Nanomodelação e Nanofabricação) foi o único a obter a classificação de “excecional), que lhe permite obter uma verba de um milhão e setecentos mil euros anuais, até 2020. O ICVS/3 B´s liderado pelo professor Rui Reis obteve uma classificação final de 23,5 (num máximo de 25 pontos).
Será ainda de referir que a nível do distrito de Braga foram classificados 6 outros centros com “excelente”, 5 com “muito bom” e 2 com “bom”, obtendo um total de 6 milhões de euros de financiamento.

O resultado agora divulgado esteve desde a sua origem envolvido em grande polémica no mundo científico. O processo de avaliação encomendado pela FCT à European Science Foundation mereceu duras críticas pelo facto de estar, desde logo, condicionado pela imposição de quotas das classificações mais elevadas por parte da FCT e que condicionam a atribuição de financiamento. Por sua vez, o valor do financiamento disponível também foi duramente posto em causa.

Artigos Relacionados