PUB
Greve Geral
Terça-feira, Junho 5, 2007

Na sequência da Greve Geral do passado dia 30 de Maio, a Comissão Concelhia de Guimarães do PCP fez chegar uma nota à imprensa, onde consideram que “o Governo, à semelhança de todos os Governos que foram até hoje confrontados com uma Greve Geral, tenta passar a mensagem de uma greve parcial ou residual, manipulando […]

Na sequência da Greve Geral do passado dia 30 de Maio, a Comissão Concelhia de Guimarães do PCP fez chegar uma nota à imprensa, onde consideram que “o Governo, à semelhança de todos os Governos que foram até hoje confrontados com uma Greve Geral, tenta passar a mensagem de uma greve parcial ou residual, manipulando para isso os números”.

No documento distribuído, dão conta de que “a realidade da Greve Geral foi comprovada no dia 30 pelos milhares de trabalhadores que aderiram à Greve Geral, bem como pelos milhares de precários que, por pressões e medos não puderam aderir, manifestando contudo o seu apoio à acção de luta junto dos piquetes de greve”.

A concelhia de Guimarães do PCP considera que a Greve Geral do passado dia 30 de Maio, “foi, sem dúvida alguma, a maior acção de luta contra este Governo. E foi, sem dúvida, a maior acção de Luta contra um governo do Partido Socialista”.

Artigos Relacionados