PUB
Festivais de Teatro de Gil Vicente apostam na produção nacional contemporânea
Quinta-feira, Maio 29, 2008

A programação divide-se nas duas primeiras semanas do mês de Junho. As apresentações acontecerão em diversos menos tradicionais do Centro Cultural Vila Flor. Edição deste ano está orçamentada em 60 mil euros.

O Festival de Gil Vicente, um dos mais antigos festivais de teatro do país, terá início em Guimarães, no Centro Cultural Vila Flor, com uma produção da Artistas Unidos para “Últimas Palavras do Gorila Albino”, em antestreia absoluta, no dia 5 de Junho.

Serão duas semanas inteiramente dedicadas à produção teatral. Logo no dia 2 de Junho decorrerá o primeiro de dois seminários de dramaturgia, centrados tematicamente na produção espanhola.

Mas se os seminários são primordialmente dirigidos aos profissionais e estudantes de teatro as apresentações do cartaz principal constituem uma oferta que procura ser abrangente, para públicos com diferentes níveis de envolvimento com o teatro.

Os espectáculos serão mostrados em diferentes espaços do Centro Cultural Vila Flor, experimentando-se assim várias aproximações entes a cena e o público. Desde o grande auditório, até ao café-concerto e aos jardins do palácio.

Os trabalhos que serão apresentados são, todos eles, de produção nacional, sendo dado enfoque na produção contemporânea. Os Festivais de Gil Vicente são, mais uma vez, organizados conjuntamente entre a Câmara Municipal de Guimarães, a Oficina e o Círculo de Arte e Recreio.

Segundo José Bastos, da Oficina, os festivais integram-se na programação regular de teatro do Centro Cultural Vila Flor, sobre a qual se verifica que tem público crescente, de acordo com os indicadores da Oficina.

Contemporaneidade, qualidade e diversidade estética, são as etiquetas com que Francisca Abreu, vereadora da Cultura da autarquia vimaranense, classifica os Festivais de Gil Vicente, sendo este mais um episódio da afirmação de Guimarães como “centro de produção de cultura”.

Os Festivais de Gil Vicente têm este ano um orçamento de 60 mil euros, tendo recebido uma comparticipação de 20 mil euros por parte da Direcção-Geral das Artes.

Programação dos Festivais de Gil Vicente

5 de Junho
22h | Pequeno Auditório
ÚLTIMAS PALAVRAS DO GORILA ALBINO

23.30h | Café-Teatro
ENTERTAINERS – O LADO B

6 de Junho
22h | Jardins do CCVF
LEMBRANÇAS

23.30h | Café-Teatro
PEQUENAS CERIMÓNIAS

24h | Jardins do CCVF
LEMBRANÇAS

7 de Junho
22h | Jardins do CCVF
LEMBRANÇAS

22h | Grande Auditório
SHOPPING & FUCKING

24h | Jardins do CCVF
LEMBRANÇAS

12 de Junho
22h | Grande Auditório
O AVARENTO OU A ÚLTIMA FESTA

13 de Junho
22h | Pequeno Auditório
TEATRO-CLIP

23.30h | Café-Teatro
SEGUNDO SEGUNDO

14 de Junho
20h | Grande Auditório
BANQUETE

23.30h | Café-Teatro
A PARTIR DE AMANHÃ

mais informações:
site CENTRO CULTURAL VILA FLOR

Artigos Relacionados