PUB
Famalicão também oferece equipamentos. Candidatura de Braga recusava alargamento a Famalicão, Guimarães e Barcelos
Quinta-feira, Outubro 12, 2006

O presidente da Câmara de Famalicão escreveu a António Magalhães, oferecendo os equipamentos do concelho, como a Casa das Artes, a Casa-Museu de Camilo Castelo Branco e o Museu de Bernardino Machado para “Guimarães – Capital Europeia da Cultura de 2012”. Recorde-se que Mesquita Machado, presidente da Câmara de Braga, já o tinha feito, apesar […]

O presidente da Câmara de Famalicão escreveu a António Magalhães, oferecendo os equipamentos do concelho, como a Casa das Artes, a Casa-Museu de Camilo Castelo Branco e o Museu de Bernardino Machado para “Guimarães – Capital Europeia da Cultura de 2012”.

Recorde-se que Mesquita Machado, presidente da Câmara de Braga, já o tinha feito, apesar de Braga contar que a sua candidatura fosse a escolhida.

O Público de hoje relembra, ainda, que “nos últimos anos, a autarquia bracarense recusou propostas da sociedade civil no sentido das vantagens de dinamização de uma candidatura do chamado quadrilátero minhoto – Braga, Barcelos, Famalicão e Guimarães”, mas “admite agora as vantagens do alargamento geográfico do certame, ainda que sob a forma de colaboração”.

Artigos Relacionados