PUB
Executivo vimaranense anuncia novos investimentos nas freguesias
Sábado, Janeiro 24, 2015

Domingos Bragança defende a recusa da proposta apresentada pela coligação Juntos por Guimarães, de “distribuição da verba remanescente da II Edição do OP 2014 por todas as Juntas de Freguesia”, para não se desvirtuar o OP e porque as freguesias “apresentam realidades diferentes”

Já no final da reunião de Câmara de 22 de janeiro, Domingos Bragança fez questão de salientar que “não existe dinheiro de sobra na Câmara Municipal” e que a verba remanescente do OP 2014 não é suficiente para fazer face a problemas urgentes de algumas freguesias ou para apoiar projetos já existentes, eventualmente, alguns dos que constavam no OP em causa.

O presidente da Câmara elencou algumas dessas prioridades e referiu que as intervenções a levar a cabo serão articuladas com as Juntas de Freguesia: “As freguesias têm todas as suas especificidades, com dimensões diferenciadas. Existem necessidades maiores em determinadas freguesias do concelho e estes investimentos vão permitir combater situações que têm de ser atendidas para diminuir eventuais desigualdades, indo ao encontro do princípio de igualdade que pretendo para o nosso concelho», justificou Domingos Bragança.

Assim, desses investimentos nas freguesias podemos destacar, desde já, na vila de Ponte e na freguesia de Gondar, as ampliações dos cemitérios. Nesta área, em Briteiros São Salvador, está em estudo ainda a construção de um novo ou a ampliação do atual cemitério, que incluirá também obras no edifício da Casa Mortuária.
No plano cultural, por exemplo, as atividades do projeto social “Gerações em Movimento”, criado pela cooperativa Castreja, terão apoio da Câmara Municipal e o edifício da antiga EB1 de Selho S. Jorge será adaptado para receber a Academia de Música de Pevidém.