PUB
Estala o verniz entre o CART e a Associação Portuguesa de Rope Skipping
Quarta-feira, Julho 9, 2014

Direções do CART e da Associação Portuguesa de Rope Skipping trocam argumentos relativamente a apoios (ou falta deles) à modalidade em questão.

Nos últimos dias de junho, a Direção do CART emitiu um comunicado onde acusa a Associação Portuguesa de Rope Skipping (APRS), entre outras coisas, de “denegrir a imagem do clube junto dos pais dos atletas” passando a mensagem de que o CART “nada quer saber da modalidade” e de que “não presta os apoios necessários”. No referido comunicado, estas atitudes foram relacionadas com o facto de a APRS pretender formar um novo clube, afastando a modalidade do CART. 

A APRS já reagiu a tais acusações, também sob a forma de comunicado, apresentando o seu ponto de vista relativamente à situação criada. 

Quem também não ficou sem reagir foi Nuno Dias, responsável pela modalidade enquanto secção do CART e que também acabou por ser referenciado no comunicado da Direção da coletividade taipense que despoletou toda esta situação. Nuno Dias fá-lo em forma de Carta Aberta

Em suma, depois desta “troca de galhardetes”, a ligação de 3 anos entre CART e a modalidade de Rope Skipping, parece não reunir grandes condições para continuar, pelo que, não constituirá grande surpresa que a mesma se venha a romper.