PUB
Em destaque o voto contra a taxa do IMI, o DIAP em Braga e os roubos a automóveis no Norte
Quarta-feira, Novembro 30, 2005

Oposição votou contra proposta da taxa do IMI Os deputados do PSD, PP, CDU, Bloco de Esquerda e MRPP na Assembleia Municipal votaram contra a proposta da Câmara de Guimarães de fixação do IMI (Imposto Municipal sobre Imóveis). A proposta que varia entre os 0,4e 0,8 %, números inferiores ao limite máximo impostos pela lei, […]

Oposição votou contra proposta da taxa do IMI

Os deputados do PSD, PP, CDU, Bloco de Esquerda e MRPP na Assembleia Municipal votaram contra a proposta da Câmara de Guimarães de fixação do IMI (Imposto Municipal sobre Imóveis). A proposta que varia entre os 0,4e 0,8 %, números inferiores ao limite máximo impostos pela lei, não convenceu os partidos da oposição que consideram o valor exagerado.

Rádio Fundação

Braga à espera de DIAP e de procuradores-adjuntos

Braga é uma das comarcas do país «em que se justifica plenamente» a criação de um Departamento de Investigação e Acção Penal (DIAP), atendendo ao elevado volume de inquéritos – mais de sete mil por ano – e à complexidade dos mesmos. Segundo o relatório da Procuradoria Geral da República referente a 2004, com a criação do departamento «sairiam reforçadas as componentes da celeridade e da qualidade da investigação».

Diário do Minho

Roubos de viaturas topo de gama a casais de namorados ocorridos nos últimos meses no Norte devem estar ligados a uma rede de tráfico de automóveis para países do Leste

Segundo a mesma fonte, os assaltos são realizados normalmente por dois homens armados e encapuzados, que procuram Mercedes-Benz, Audi ou BMW, que desaparecem depois sem deixar rasto.

Antena Minho

Artigos Relacionados