PUB
Eleições aquecem o ambiente
Quarta-feira, Setembro 7, 2005

Com o aproximar das eleições, o ambiente político torna-se mais “quente” e, na sua última crónica, alguns dos colunistas do Reflexo aproveitaram para lançar algumas opiniões mais “picantes”. Saiba mais na secção “Colunistas” e “Leitores”.

Capela Dias diz que “Vista pela perspectiva da propaganda, a campanha fornece pistas interessantes que conduzem aos apoios abertos ou camuflados de que cada candidatura goza, na certeza de quem aposta e financia um candidato espera recuperar o investimento sob a forma de satisfação pessoal ou favores.”

Armando Marques despede-se desta sua coluna utilizando a expressão já famosa do actual Presidente da Câmara “punha as Taipas num brinquinho” para afirmar que “o Sr. Arquitecto Constantino Veiga deveria ter chegado às Taipas, pelo menos há 16 anos.”

Casimiro Silva afirma que “ninguém crê que aquele “M” depois de se juntar ao “TAC” tenha algo a ver com MTAC, o tal movimento do desejo independentista ou autonómico”, para acrescentar que, “se tiver, vai ser interessante ver desaparecer aquela coisa no próximo dia 9 de Outubro”.

Na Secção “Leitores”, Manuel Marques da Silva diz que a “vaidade e individualismo deixaram cair a grande oportunidade!…”

Mais imparcial é José Henrique Cunha que, na mesma secção, analisa o contexto e as novidades destas eleições.

PV

Artigos Relacionados